Você Já Leu 50 Tons de Cinza?

Heloisa
Tv, Séries e Livros
23.08.2012
377
Geek e Tecnologia
Dating Rules from my Future Self
Maquiagem
Delineador Infinite Liquid Eye Liner Milani

Bom dia gente, tudo bem com vocês? Mais um post da Helô do delarosa.com.br e o assunto de hoje tem a ver com aquele objetivo de fazer do Brasil um país de leitores, afinal parece que de tempos em tempos a ideia dá certo e todo mundo começa a ler um livro… Estranho.

Eu não gosto muito de ler ficção, sou uma leitora bem ativa, mas normalmente me atenho aos corredores de política, economia, biografia e gastronomia, já que eu sou uma pentelha que gosta de praticar a vida real 100% do meu tempo livre. Mas na época que eu trabalhei em livraria, aprendi que livro algum faz mal e quanto mais a gente puder ler, melhor! Então sempre que esses livros surgem quase que do nada e conquistam públicos tão gigantes, que eu acabo lendo pra saber qual é. Foi assim com a saga Crepúsculo (não me crucifiquem), foi assim com as verdades politicamente incorretas e não poderia ser diferente com Fifty Shades of Grey, primeiro volume de uma trilogia, que chegou em português às livrarias no dia 1º de agosto, com o título 50 Tons de Cinza e pela editora Intrínseca (que sempre foi minha editora favorita).

O livro da moda é a estreia literária da inglesa E L James — uma ex-executiva da TV londrina, mãe de dois filhos adolescentes, aparentemente inofensiva e recentemente eleita uma das 100 pessoas mais influentes do mundo pela revista Time —, a trilogia teve direitos de publicação adquiridos por 37 países em leilões disputadíssimos. Os livros Cinquenta tons de cinza, Cinquenta tons mais escuros e Cinquenta tons de liberdade serão adaptados para o cinema pela Focus Features, da Universal Pictures — os direitos foram comprados por um valor recorde de US$5 milhões e a Emma Watson é uma das possíveis atrizes para interpretar a mocinha da trama. Quando eu tive contato com os números pela primeira vez, achei que fosse alguma coisa sobre uma nova criatura, afinal vampiros já caíram na monotonia e a vida real parece não ganhar mais o coração de jovens adultos, como antes, porém para o meu choque e desespero a trilogia trata apenas de… Sexo e sadomasoquismo.

A estorinha narra a relação entre uma recatada jovem de 22 anos que acaba de se formar na faculboate e um enigmático (e maluco) empresário. Estimulada a desafiar seus limites e preconceitos, Anastasia Steele contrapõe a irresistível atração que sente por Christian Grey — um bilionário muito charmoso, brilhante e, ao mesmo tempo, intimidante — às singulares exigências sexuais que ele impõe, a começar por um contrato assinado que permite a Grey o controle completo de sua vida. Acho lei Maria da Penha! É tão engraçado pensar que as revistinhas Sabrina existem há décadas e agora pagam 5 milhões de dólares para lançar um filme cujo roteiro é tão parecido hahahahaha.

Agora vamos aquela parte que não interessa tanto, mas é o que faz a internet acontecer: opiniões pessoais! Ví no Twitter que a Kah está detestando o livro e comigo não foi muito diferente. Assumo que provavelmente irei acabar de ler a trilogia inteira porque não tenho mais nada pra fazer, mas vale ressaltar também que caso me convidem para encher bexigas de uma festa infantil, essa atividade substituirá tranquilamente a leitura da série. Eu não tenho interesse em ler a experiência sadomasoquista alheia e tampouco deixaria minha filha adolescente ler, mas cabe a você mamãe e adolescente dona do próprio nariz, decidir o que prefere. Não tem nada de errado, de anormal ou de tabu em fazer sexo com um homem mais velho e milionário em meio a correntes e outros objetos esquisitos, ninguém vai julgar você. Só me espanta a quantia de pessoas que estão interessadas por isso nesse exato minuto e que consideram este o assunto mais legal das suas vidas no ano de 2012. Gosto de livros que me ensinem coisas e, por mais que o mocinho da história tenha tido problemas na infância para agir de forma tão tirana com a mocinha, não acredito que a lição de vida contida vale a leitura. Leia apenas se você quiser… Levitar em uma nuvem de paixão tórrida, digamos assim rs.

Eu sou muito tradicional no que diz respeito a esses assuntos, o mais perto que eu deixo uma festa fetichista chegar da minha casa é no episódio de A Liga e mesmo assim se eu estivesse na casa da minha mãe, com meu irmão pequeno, não assistiria hahahahaha. Porém talvez você esteja solteira, ocupada demais para flertar ou de férias num iceberg, nesse caso a leitura da trilogia 50 Tons de Cinza é mais do que recomendada para passar o tempo, aquecer o coração e ficar viajando sobre como você gostaria que estivesse a sua vida sexual ultimamente (ou não). Mas não se engane: se o que você realmente quer é literatura erótica, leia Mario Vargas Llosa, além de ser mais interessante e sedutor já ganhou prêmio Nobel.

Claro que tudo isso é a minha opinião, estou apenas contanto como foi a minha experiência com o livro e toda a repercussão que ele teve. E se você ficou curiosa, vá em frente, compre e leia, porque milhares de garotas já me falaram que adoraram e não tiro o crédito delas, afinal não dá pra negar quando uma autora realiza um feito editorial do tamanho desses: ela tá de parabéns! Nos Estados Unidos, os resultados de venda já são tão eletrizantes quanto a narrativa do thriller romântico de E L James: é a primeira escritora da história a ter três de seus livros com vendas superiores a 100 mil cópias em uma mesma semana. Desde março sua apimentada trilogia já acumulou 31 milhões de exemplares vendidos apenas em língua inglesa, número que faz da série um dos maiores best-sellers de todos os tempos. Aqui no Brasil, o primeiro volume já é encontrado em todas as livrarias e os dois próximos já estão em pré-venda. Para mais informações, vale a pena entrar no site da Intrínseca.

E você: já leu, vai ler, quer ler, quer correr para um planeta distante? Hahahaha, beijo e até semana que vem <3

______________________________________

Nota da Kah: Eu estou na metade do primeiro livro, comprei o box em inglês com os 3 livros. Até agora, concordo em com cada palavra da Helo e da Tati(vou postar o vídeo dela abaixo) em gênero e grau.

A linguagem do livro é adolescente, e o conteúdo adulto. Eu achei que houve uma divergência muito grande, tipo você que é mais crescida, não vai gostar da enrolação do livro e de todo o mimimi amo não amo, quero não quero, recebi um email dos meus pais, liguei para minha mãe ela disse isso e aquilo. Você que é mais nova vai achar o livro pesado, porque as coisas acontecem assim OI ACONTECEU e você fica pensando WTF?! Como eles chegaram aqui?

Estou tentando de verdade continuar a ler o livro até o final, estou na parte do: “Oi quer ter um relacionamento comigo? Assina um contrato então”. Mas até agora eu não estou gostando mesmo. O comecinho é legal até, mas realmente enrola demais. Eu acho que ela enrola nas partes erradas sabe?

Enfim, se eu terminar de ler os 3 livros vou gravar um vídeo falando sobre isso! :)

0 Comentários via Facebook
377 Comentários
  1. Mariana EM 23/08/2012 às 12:49

    Adorei. Não entendo pq esse livro tá estourando tanto. Ou talvez sim: todas aquelas mocinhas sonhadoras com o príncipe encantado que eram fãs de Crepúsculo “cresceram” e agora, só pq são “adultas”, acham q tem de falar sobre sexo. Só q eu não sei pq tanta coisa aí é tabu e deixa todo mundo tão agitado…
    Vai ver tá falando um pouco mais de liberdade das pessoas pra falar (e fazer) sexo sem q soe como uma coisa chocante ou bicho de 7 cabeças.

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 16:49

      deve ser isso mesmo, concordo!
      beijo <3

      • Carlos EM 28/10/2012 às 04:37

        Creio que, dentro do contexto da vida da autora, incluindo-se o comportamento da sociedade no pais em que ela vive…o livro encantaria. Mas, quando se trata de liberdade sexual no contexto brasileiro, nada eh novo.

    • gabriela EM 20/04/2013 às 19:16

      Boa noite,galera, Eu não gosto dessa trilogia cinquenta tons de cinzas,fui ler alguns trechos,não aguentei,amarelei,não gosto da saga crepúsculo,porque tem tantas mulheres que leram ou ler.e ficam loucas.sexo é muito chato pra caralho ela apanha e depois fica rica nossa,que visão do inferno.eu não sonho com porra de príncipe encantado ou tarado ou Cristian Grey,o cara é gay. e a anastácia é uma vadia submissa. aff ainda bem que não comprei e nem abaixei isso. esse livro é bom pra aquelas piranhas de 14,15,16 que não aguentam,e dar por ai.

  2. Ana Luiza EM 23/08/2012 às 13:14

    Eu também esperava mais! Provavelmente vou ler os outros dois livros pra saber como acaba essa história absurda! Já digo logo que se eu fosse a Anna, mandava o Grey se lascar, sério! Pra mim, o ponto alto do livro foi a “cena” da Anna bebada. Dei risadas nessa hora.

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 14:26

      Pior que também to nessa, mesmo não gostando quero saber como acaba, ja vi ate gente falando que eles vão ter um filho…! Daí fiquei curiosa hahahaah <3

    • Mariana EM 23/08/2012 às 17:16

      Não li o final e já sei o que acontece, o óbvio: a mocinha “contorna” os problemas do mocinho e eles se casam, oras. Como todo final bobinho pra romance água com açúcar… (e a moça do vídeo aí já deu a dica hahaha)

      • Heloisa EM 23/08/2012 às 17:23

        parece que até filho eles vão ter, ou seja, você deve estar certa hahahah <3

        • mari EM 24/08/2012 às 20:28

          o filho deles ia nascer com o chicotinho na mão ahuiahaiuhaiuahiuah

    • Bruna EM 13/12/2012 às 11:52

      Eu que vivo sem tempo li a trilogia em uma semana… simplesmente amei, mas acho q cada um ve a historia por um lado e na verdade as descrições sexual faz parte de um contexto muito maior q ela o que o torna leve, fiquei ate um tanto melancolia e perdida qdo terminei por não ter mais o que saber sobre o Sr. e Sra Grey…. Já to lendo tudo de novo!

      • SAMANTHA EM 26/12/2012 às 18:08

        BRUNA ELE FICA COM ELA NO ULTIMO LIVRO?

        • Bruna EM 07/01/2013 às 14:00

          Fica com ela desde o primeiro momento ate o ultimo… nao tem aquela chatisse de tudo da errado… porem não é massante em momento nenhum….

  3. ThatyFrancelino EM 23/08/2012 às 13:37

    Bom, #50Tons só estourou mesmo, porque pegou o embalo de Twilight… (Pra quem não sabe, venho informar-lhes que esta estória trata-se de uma fanfiction de Crepúsculo que foi publicada em sites como Twilighted e Fanfiction.net no ano de 2009, se não me engano.)
    Por tanto, quando soube que que seria publicado, quem já conhecia a história ficou um tanto surpreso, pois, com tantas histórias muito boas que existem no mundo das fanfictions, (Dentre elas, cito “Sempre” da autora americana JM Dawhoer e “Entre a Nobreza e o Crime” de autoria de minha estimada amiga Jane Herman)porque justo essa teria de fazer sucesso??! O motivo já lhes disse lá em cima, pegou carona em Twilight.
    #50Tons não pode ser taxado de grande literatura, nunca, realmente. Porém não deve de todo ser ignorado o seu sucesso. Ele cumpre o papel a que veio, simplesmente entreter.
    Se alguém que, como eu, já conhecia a história, notou que o máximo que a autora fez foi, mudar os nomes das personagens, mudar os carros, e alguns locais…. A estrutura de fanfiction continua a mesma.
    E L James foi uma tremenda sortuda!

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 14:27

      Gente a mulher tem filho e escreve fanfiction?! Sempre achei que fosse algo adolescente hahahah, choquei! Bom saber disso, não fazia idéia, arrasou no comentário <3

    • daniela EM 24/08/2012 às 00:02

      enquanto eu lia os comentários pensava em escrever praticamente a mesma coisa que vc, rsrsrs
      bem, já li todos e concordo que são bem fraquinhos no que se refere a trama, os personagens são Bella e Edward de crepúsculo depois de descobrir o sexo, ahahaha.
      começa muito água com açúcar, inclusive algumas partes muito “teen” eu não consegui ler sem fazer pausas(geralmente eu entro tanto dentro dos livros que leio em uma sentada e no final percebo que estou com fome e vontade de ir ao banheiro, rsrsrs) mas no geral achei que foi interessante principalmente de uma perspectiva mais psicológica pois os fantasmas do mocinho correspondem em algum grau com os problemas apresentados por crianças negligenciadas com as quais já trabalhei. sobre isso ela até desenvolve bem…
      enfim, tb achei que as cenas +18 foram muito bem escritas, fiquei lamentando minha solteirisse, kkkkk
      bom, enfim, acho que recomendaria a trilogia. bjos

      • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:29

        As vezes dá a impressão de que ela escreveu toda estoria apenas como desculpa para as cenas de sexo, né? Hahahaha, ela se dedica bem mais, apesar de eu ter achado meio bobinho mesmo assim. Fico muito feliz de você ter deixado a sua opinião e além de entendido, até mesmo se identificado com a minha. Muito obrigada mesmo pelo seu comentário, beijo <3

  4. Cat EM 23/08/2012 às 13:46

    Só um comentário a título de curiosidade, a atriz Lucy Gale e o ator Iam Somerhalder são os confirmados para o filme =)
    Bem, não li os livros, mas pelo sucesso que tá fazendo, acho que vou ler de curiosidade! rs

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 11:15

      arrasou! quando eu escrevi o post ainda não tinha essa informação, mas gostei de saber porque adoro a Lucy Gale hahahah <3

      • Tah EM 29/08/2012 às 16:52

        Ainda não li o livro, mas estou com muita vontade de ler, devido as criticas que tenho escutado.
        Só uma observação, a atriz em questão é Lucy Hale e não Gale rsrs. Mas tem mais uma outra cotada, que é a Alexandra Daddario. E na minha opinião, Ian está aprovadiiiissssímo.

        • Heloisa EM 29/08/2012 às 16:56

          Ou seja, ainda não foi definido mesmo, né. hahahaha. Mas pelo menos não foi a Kristen Stewart, em crepúsculo acho que ela manda muito, mas vinculei demais ela a trama. Valeu pela correção do Gale :D

  5. Monica EM 23/08/2012 às 13:52

    Esses livros são parecidos com os Irmandade da Adaga Negra?

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 11:08

      nunca li os da irmandade, não sei dizer :(

  6. Flá EM 23/08/2012 às 13:55

    Ai,super concordo, achei o livro meio bobo,sabe? uma história suuuuuuuuuper forçada e essa coisa dele ser controlador eh meio eca… tipo rastrear o celular dela, a galere acha lindo só pq ele eh milionário e gatíssimo e homem,hauihauiha,qria ver se a mocinha do livro rastreasse o celular do cara,ele ia sair correndo… Enfim,não curti tb,mas claaaaaro que vou ler os outros pq sou dessas,ahuihauihuiahia,agora qro saber o fim!

    =*

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 14:29

      Hahahahaha adorei! Mas tá certissima, tem que ser muito foreveralone pra achar alguem rastreando seu telefone, uma coisa romantica hahahahaha.

  7. Gabriel EM 23/08/2012 às 13:59

    Bom saber que existem pessoas que também não gostaram do livro…

  8. Lorena Campos EM 23/08/2012 às 14:01

    Estou no final do primeiro livro e não estou gostando. Tudo bem que já estou caminhando para a casa dos 30 e sou casada…ontem mesmo vi umas adolescentes (na casa dos 18/19)no metrô do rj suspirando pelo livro.
    Concordo bem com o que vocês disseram: é uma linguagem adolescente para uma temática adulta. Realmente tem sido muito chato todos esses “dileminhas” que o livro apresenta para encher linguiça… sem falar nas repetições: ela mordendo o lábio, ele passando a mão no cabelo, ela corando e revirando os olhos, e o contrato (que chatice a história desse maldito contrato, pra mim é o que torna a história mais infantil é essa novela do assina ou não assina que se estende por quase todo o livro pelo que vi)….
    Não sei se lerei os demais, talvez se estivessem todos disponíveis desde já, leria só para ver como acaba, já que detesto deixar histórias em aberto, mas daqui que saiam os outros dois acho que já estarei envolvida por outro livro…

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 14:31

      É, você pode estar certa e vai ver que a gente não é o publico alvo mesmo, hahaha. Mas como falou que era pra adulto, achei que mesmo casada a gente ia curtir, acontece. Eu tô lendo outras coisas, talvez um dia termine a trilogia tambem, se você ler o resto me conta tá? Vai que você adora e eu desisto, daí leio tambem hahah. Beijo <3

      • Lorena Campos EM 23/08/2012 às 15:06

        Oi Heloísa,
        Se eu ler os outros antes de vc eu te aviso sim! Aproveitei e dei uma olhada no teu blog e gostei muito, vou adicionar aos meus favoritos e dá uma lida com mais calma no fds :)
        um beijo!

        • Heloisa EM 23/08/2012 às 16:46

          aaaah que legal! fico muito feliz mesmo que você entrou lá *-*

      • Diana Lee EM 28/09/2012 às 21:43

        Meninas, eu não sou casada, tenho 24 anos, comecei a ler e estou quase desistindo. Muita coisa fora da realidade, pornô que a gente vê fácil, não sei porque as pessoas acham tão interessante. Esperava que fosse algo envolvente, mas não é.

      • Claudia EM 03/01/2013 às 00:22

        Eu li a triologia em uma semana,aproveitei que estou de férias rsrsrs, adorei os livros.Sou casada me ajudou apimentar a minha relação, tive até coragem de entrar em um sex shop kkkk

  9. Ana EM 23/08/2012 às 14:10

    maiores informações são informações grandes?!?!?! não seriam “mais informações”?!?!?!
    para quem (diz que) lê tanto, esse foi um erro básico!!!

  10. Tamara EM 23/08/2012 às 14:29

    Ai meu deus, ALGUÉM CONCORDA COMIGO! HAHAHAHA Eu vejo as pessoas elogiando e, sinceramente, acho que elas nunca leram nenhum livro na vida porque não é possível achar 50 tons de cinza BOM. É muuuito mal escrito, os personagens são fracos, os diálogos bobos, sério, é MTO ruim!

    Eu nem falo da relação dos dois porque acho que são adultos e o que eles resolverem (se for bom, saudável e sem perigo!) tá ótimo. O problema é um livro tão ruim como esse estar fazendo TANTO sucesso.

    Beijos.

  11. Amanda EM 23/08/2012 às 14:55

    Oii… Gostaria de saber o valor que eu deveria cobrar para maquiar cerca de 40 meninas para uma apresentação de jazz. As maquiagens devem ser todas iguais. Obrigada!

    • Kah EM 27/08/2012 às 12:02

      Não sei te dizer querida, consulte outros profissionais na sua cidade por que o preço varia muito!

  12. Claudinha EM 23/08/2012 às 14:55

    Hahahahaha…
    Não estava com a menor vontade de ler, nem tinha tomado conhecimento do livro de fato. Mas me diverti muito com a resenha…
    Só não entendo como as pessoas conseguem gostar de ler algo do tipo o__O (fico chocada)
    bjos lindas

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 16:47

      aaaaah to muito contente que você entendeu que eu tava de bom humor, muitas meninas ficaram bravas com a resenha, mas juro que era meio humoristico, hahahah <3
      eu lí porque todo mundo tava lendo e fiquei muito curiosa… é uma boa estoria, mas deixou a desejar mesmo :~ beijo!

  13. Sharon EM 23/08/2012 às 15:07

    Acabei de ler esse livro é de verdade me agradou, claro que tem partes que são meio cansativas por ela detalhar muita coisa que não precisava e confesso, ate pulei partes, mas ao todo gostei, esse fato de ser numa linguagem “adolescente” com um tema “adulto”, não sei não, SEXO todo mundo sabe, faz e gosta, sadomasoquismo no livro ate que parece gostoso rsrs (no livro)rs

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 16:45

      Que bom que você gostou! Você já está lendo os outros dois? Estou torcendo pra ficar mais legal e ter uma trama que deixe a gente com mais curiosidade hahahaha. No livro eles parecem curtir muito essa de sadomasoquismo, mas disso ja nao posso dar opinião muahahahah. Beijo!

  14. Vivian EM 23/08/2012 às 15:31

    Eu comprei o primeiro, mas ainda não tive tempo de ler… Comprei no impulso mesmo, por tanta propaganda e tantos comentários antes mesmo de ser lançado aqui no Brasil.
    Já dei uma folheada e estou com a impressão de que não vou gostar também…. pode ser só impressão, mas me parece uma coisa forçada demais.
    Vamos ver!! A curiosidade sempre fala mais alto! hehe

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 16:33

      Leeeia! Não deixa de ler não hahahaha. Daí depois você me conta se gostou, como foi a sua experiência, todas as opiniões importam <3

  15. Leitora Indignada EM 23/08/2012 às 16:04

    Bom, depois de tudo o que eu li, realmente fica difícil decidir por onde começar, mas vamos lá: primeiro que é essa foi a “resenha” de livro mais preconceituosa que eu já li, já que a autora obviamente acha que esse tipo de livro se encaixa na categoria “b” dos livros, e que os livros que ela geralmente costuma ler (“reais”) são muito mais importantes/inteligentes. Você está certa, esse livro não foi feito para você ler, esse livro foi feito para pessoas que gostam de ficção, e mais especificamente romance/romance erótico, que gostam de uma história leve (não estou falando do erotismo) e fácil de ser lida. E também foi feito para aquelas mulheres que fantasiam com a figura de um homem forte e controlador (sim, muitas mulheres tem essa fantasia), para mulheres que tem esse fetiche de dominação ou que querem resgatar a sexualidade. O que eu pude concluir dos seus comentários é o mesmo que eu vi de muitas pessoas que não gostaram do livro: tabu. O sexo incomoda as pessoas, como se fosse algo indigno ou feio que pode contaminar o tradicionalismo delas, isso porque esse nem é um dos livros mais “pesados” sobre o assunto que existem hoje em dia. É engraçado que você diz que não julga quem pratica as coisas descritas no livro, você só julga quem está lendo e goste do livro!E ainda por cima acha que apenas aquelas que estão solteiras e sem paquerar deveriam lê-lo… puro comentário ignorante e preconceituoso, eu reitero. Na sua checagem de dados você deve ter pulado a parte que apelidaram esse livro de “Mommy Porn” porque muitas mulheres casadas e mais velhas estão lendo esse livro e que foram elas que ajudaram a causar o boom do livro, e não apenas adolescentes e mulheres solteiras, como você diz e para quem você indica. Esse é um dos aspectos negativos de um livro ficar tão famoso, já que as pessoas que não são o público alvo do livro ficam sabendo e para não ficar de fora, lêem por ler e depois saem falando mal. Eu, obviamente, estou no grupo de pessoas que gostaram do livro, mas nem por isso o considero o melhor livro de todos os tempos. Da próxima vez, se informe sobre a temática do livro, leia resenhas e se não for do seu gosto/interesse nem perca o seu tempo lendo o livro só para depois depreciá-lo, já que o gênero nem faz parte do seu gosto pessoal. E só para constar, a Lei Maria da Penha serve para proteger as mulheres de agressões e abusos dos tipos verbais e/ou morais e/ou físicos e/ou sexuais praticados por homens contra as mulheres, já o sadomasoquismo é a relação CONSENTIDA entre receber ou impor sofrimento físico e moral com outra pessoa, buscando o prazer.

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 16:41

      Eu tava brincando da Maria da Penha, era tipo ~humoristico~, realmente me desculpa se ofendeu você de alguma forma, prometo medir mais as minhas palavras.
      Não sei se escrevi exatamente uma resenha, na verdade essa não foi a intenção, tentei passar apenas a minha opinião e contar um pouquinho sobre o livro e sobre o fenômeno para quem não está por dentro. Achei que fosse gostar do livro porque toda a divulgação dele me seduziu, tanto que eu comprei ele, né. Eu até gosto de romance erótico, adorei tudo o que li do Mario Vargas Llosa, mas neste caso foi um pouco frustrante e eu expliquei no texto os meus motivos. Fico feliz que você tenha defendido seus ideais e opiniões aqui nos comentários, afinal esta como toda historia, tem dois lados e várias opiniões, obviamente a sua também é muito importante <3

      • Ale EM 15/10/2012 às 17:50

        Bem ,eu adorei a história, fiquei mega encantada com Christian Grey e não tenho nenhum fetiche sadomasoquista (q eu saiba rsrs) Mas apesar de sua observação não ser muito favorável ao livro acredito q não dá pra comparar a saga Crepúsculo (como se eles tivessem descoberto a relação sexual)isso é um esteriótipo preconceituoso de sua parte, como se as pessoas q são mais ingênuas não pudessem alcançar essa malícia..E isso não tem nada a ver..Mas é sua opinião afinal. Eu tenho uma familia tradicionalista mas eu gostei, vou ler os outros, e me permitir imaginar que eu sou a Anastacia Steele. ;)

      • celina mesquita EM 24/10/2012 às 10:41

        uai…já mudou de assunto???Olivro é maravilhosoooooooooooooo…todas as mulheres do trabalho estão lendo (de todas as idades),e estão adorando!!!Da proxima vez,fique calada,pq vc só fala merda…

    • MAri EM 24/08/2012 às 16:55

      Concordo completamente. Que post mais preconceituoso.

    • Mari EM 24/08/2012 às 16:57

      Concordo plenamente. Que post mais preconceituoso. Ainda não li o livro, então aqui vai uma opinião totalmente imparcial. Não gostei mesmo, as opiniões de “leia se você for solteira” e “como as pessoas gostam de ler esse tipo de assunto?” foram de mau gosto, sim.

      • Heloisa EM 24/08/2012 às 19:19

        Justamente, como eu disse no post, são opiniões extremamente pessoais. Retratei parte do sucesso que a autora anda fazendo, mas deixei o meu relato também, gosto de ser bem sincera em blogs e acho que eles são legais por causa disso. Mas me desculpa se te ofendeu de alguma forma, mas para mim seria esquisito recomendar um livro que me decepcionou tanto. Muito obrigada por deixar a sua opinião, vou levar em consideração para posts futuros :)

    • Ana EM 24/08/2012 às 19:39

      Concordo Leitora! Infelizmente o sexo é um tabu tão grande!

    • Beth EM 28/08/2012 às 00:29

      Parabéns pelo seu comentário. Eu li, adorei e não vejo a hora de poder ler os outros dois e olha que eu já passei do 60.

      • Heloisa EM 28/08/2012 às 11:38

        Muito obrigada, Beth :D
        Quando você acabar de ler os outros dois, se lembrar, volta aqui pra contar se gostou. Beijo <3

    • Anna Casada 30 anos e que gostou do livro. EM 29/08/2012 às 11:34

      Estava indignada lendo os posts contra o livro, tudo bem cada um tem sua opinião, mas vejo que a maioria que não gostou foi por causa do “PRÉ conceito”, por ser adolescente, falar sobre sexo,e ser uma história parecida com crepúsculo… Gostei do seu post e estou com você.

      • Heloisa EM 29/08/2012 às 11:42

        Realmente preconceito não tá com nada, pra falar que não gostou do livro tem que ler o livro antes né gente. Eu não ví nenhuma semelhança com crepúsculo, as meninas até falaram disso aqui nos comentários, talvez quando eu for ler os outros dois volumes, tente reparar melhor nisso. Fico contente que muitas pessoas estão adorando o livro, é que eu fui ler esperando MUITO mais, tava tipo maluca pra ler e jurando que seria meu novo favorito, hahaha. Daí decepcionei mesmo!

    • Bi EM 06/11/2012 às 17:11

      Concordo Demaiiiis!

    • Clarissa EM 29/01/2013 às 14:38

      Concordo 100% com a opinião da Leitora Indignada. E digo mais, o livro é pra quem gosta de um BOM sexo, e o que a escritora tenta trazer é esse resgate de como o sexo é LINDO! Quem não entendeu o romantismo do livro nunca se apaixonou de verdade. Quem leu de mente aberta, certamente tem condições de entender que esse tipo de relação é CONSENTIDA, e pode ver que Anastasia se opôs ao papel de Submissa, e é disso que realmente discorre a temática, porque ela tem de lidar com o amor que sente e ao mesmo tempo com o TESÃO desenfreado por Christian.

  16. Ana Paula EM 23/08/2012 às 16:06

    Eu achei esse post muito ofensivo. Li o livro e gostei bastante. Acho que cada um tem um gosto. Temos que analisar que a escritora não pretendia escrever um livro e sim um fanfiction do Crepsuculo. Por isso temos uma leitura muito fraca, com muitas expressões repetidas e etc. Mas quem quer ler algo bem escrito procura ler então Machado de Assis, Clarice Lispector, Anne Rice entre outros. Acho que precisamos analisar de outra forma todo esse burburinho em torno do livro.
    Vcs acham que vinte ou trinta anos atras um livro com essa tematica faria tanto sucesso? Não. O ponto positivo é que as mulheres estão mais abertas a sexualidade e acho muito legal mulheres demostrarem interesse em ler esse livro.Eu mesma nunca tinha lido algo com essa tematica.
    Acho muito errado pessoas destruirem um livro e as vezes essas opniões acabam influenciando outras pessoas que até tinham interesse em ler e acabam desistindo. E se deixam de se permitir a ter sua propria opinião de algo que talvez até iriam gostar.

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 16:33

      Concordo totalmente com o que você disse (tirando a parte ofensiva, claro). Me desculpe se te ofendeu de alguma forma, meus posts geralmente são um pouco mais bem humorados, então talvez eu tenha empregado alguns termos mais ~da risadinha~, mas não tive a intenção de ofender, foi mal. Espero sinceramente que as pessoas leiam para ter uma opinião própria, mas como eu disse, é importante deixar clara a tematica do livro, semana passada vi uma senhora comprando de presente pra neta de 11 anos e daí não concordo mesmo, acho meio cedo mesmo vivendo em uma sociedade moderna.

    • josiane EM 30/08/2012 às 13:41

      adorei o livro pq é simples e meche com a nossa imaginação cabe de cada um que ler ver pontos positvos ou não se fosse ruim ninguem lia a trilogia inteira!!!

      • Heloisa EM 30/08/2012 às 13:57

        Com certeza! Tem muita gente que vai gostar, afinal muita gente já gostou <3

      • vanessa EM 24/07/2013 às 02:16

        gostei do livro é uma história linda muito homem não gostou por que as mulheres estão apaixonadas pelo christian grey kkkkkkkkkkkkkkkkk , alias mexe muito com a imaginação das mulheres, manda todo mundo se lasca, e não foi uma so pessoa que gostou forao milhares e também muito homes também gostaram quando sua mulher com o chicotinho na maokkkkkkkkkkkkkkkkk

  17. Bruna EM 23/08/2012 às 16:21

    to amando o livro!! acho que sou masoquista… hahahahah

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 16:48

      hahahahaahah aproveita então porque depois desse fenomeno ta todo mundo mais aberto a isso, hahaha. brincadeira, beijo <3

  18. Mirela EM 23/08/2012 às 16:25

    Li a historia na epoca que era fic de crepusculo (sim, de crepusculo!) e chamava-se MOTU! Foi uma historia que bombou muito entre os fãs desse tipo de leitura (fanfics), tanto é que foi publicado. No entanto nunca foi a minha preferida. Concordo com tudo. Acho interessante ler algo tão fora da nossa (pelo menos da minha) realidade, mas a autora de 50 shades viaja um pouco na maionese e a escrita é super boba. As coisas acontecem muito rapido entre eles, e ela nunca justifica os motivos de uma menina boba e sem graça interessar tanto um milionário. Achei a 1ª vez deles tãããão surreal também (a garota era virgem – e aceitou um contrato sadomasoquista, aham tá!- e ele não parou)Se você gostou do tema, procure pela fic “A submissa”, é no mesmo estilo sadomasoquista, só que tããão, tãão mais bem escrita, real e romântica (rolam boatos de que será publicada também- virou moda). Enfim, acredito que as pessoas estão ludibriadas porque, para muitos, é a 1ª vez que podem comprar um livro pornografico na saraiva e comentar no elevador do trabalho sem pudores, mas quando pararem para ler outros livros hot, verão que 50shades não é nada, nada bom (minha opinião!)

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 16:52

      aaaaaah você arrasou! amei seu comentario, porque me explica melhor essa coisa da fanfiction. eu não fazia ideia de que mulheres com filhos, bem mais velhas, escreviam este tipo de material, achei bem legal na verdade, saber disso :)

      Concordo com tudo que você falou, muito obrigada por deixar a sua opinião <3

      • ThatyFrancelino EM 23/08/2012 às 17:40

        Então Heloisa, Fanfiction não tem mesmo essa coisa de idade não. A pessoa gosta de tal livro, vai lá e escreve uma “continuação” ou alguma coisa relacionada, usando os mesmos personagens, mas num “universo alternativo” , como foi o caso dessa história, que, quando foi postada na net, se chamava, Master of the Universe (MOTU)….
        Como eu disse no cometário anterior, existem umas muito boas, que estão sim virando livros publicados por editoras conhecidas e tal… Caso daquelas que eu citei….
        Sua opinião é muito valida, você disse realmente o que pensa e é disso que precisamos!

        • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:35

          É então, outras meninas me contaram mais sobre fanfiction e realmente, parece ser algo muito grande, eu que não conhecia tão bem assim. Espero que esses autores continuem se aprimorando e sejam descobertos logo por editoras grandes :D
          Muito obrigada pelo seu comentário, a sua opinião é muito importante para mim também. Beijo :)

  19. Yasmin Sobreiro EM 23/08/2012 às 16:35

    Super gostei do livro, talvez por ser fã de Twilight sei lá. Claro que algumas coisas me irritam, não aguento mais ouvir ele falar do lábio dela, chega né já entendemos o efeito que provoca.
    Li até o 2º capitulo do 50 tons mais escuros e já achei um absurdo em menos de 1 semana ela já estar lá nos braços dele.
    Mas é tudo uma questão de gosto né, em particular não vejo a hora de ler o próximo.

    Beijos <3

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 16:50

      que bom que você gostou! fico muito feliz. eu me decepcionei um pouco, mas andei lendo uns spoilers dos outros dois volumes que me deixaram beeem curiosa, hahahaha. beijo <3

  20. debora matos EM 23/08/2012 às 17:17

    so compreii esse livro pela repercusao mais confesso que em arependi

  21. Sharon EM 23/08/2012 às 17:18

    Serio! Fiquei sabendo, ou melhor vi na internet que essa trilogia é baseada em uma fanfiction de Crepúsculo????
    O Céus que BROXADA!

  22. Flavia L. EM 23/08/2012 às 17:20

    CARAS LEITORAS OFENDIDAS: acompanho sempre o blog mas esta é a primeira vez que senti a necessidade de responder à um post ou comentário. Em nada foi ofensivo este post da Heloisa, aliás, aplaudo o blog por receber novas colaboradoras e que tem coragem e acima de tudo personalidade para exprimir suas opiniões de uma maneira sincera (coisa que, em tempos de “bloguinhos-jabás” ctrl+c ctrl+v, é difícil de se encontrar).

    O que acontece é que o mundo literário, cinematográfico, dramaturgo em geral cada vez mais anda perdendo a vergonha de multiplicar o que vende,sem pudor, sendo lixo ou não. E com Crepúsculo não poderia ser diferente!

    Li o primeiro livro de 50 tons de cinza com a maior boa vontade, sem pré-conceitos (no sentido literal da palavra) algum. E sério? Mesmo? WTF? Gente, ATÉ Crepúsculo tem algo a se aproveitar no que tange a enredo, narrativa, consistência literária. 50TC é fraco na narrativa, fraco nos personagens, fraco no enredo, fraco até mesmo no que se propõe que é a descrição das relações sexuais da moçoila la!

    A todo momento a autora repete as falas, os verbos, os acontecimentos, até os devaneios são repetitivos. É fraco e a ÚNICA, Ú-N-I-C-A razão para o sucesso certamente é a conexão com o Crepúsculo.

    Gosta de literatura erótica? Como a Heloisa muito bem citou, existe Mario Vargas Llosa, Marquês de Sade, entre muitos outros DE QUALIDADE!!! Gosta de literatura erótica mas de leitura fácil? Também como a Heloisa disse, se joga nas Sabrinas, Júlias, etc. o dono da banca de jornais agradece!

    E por fim, Heloisa, não faça isso o que vc disse em resposta ao post acima, não meça demais as suas palavras. Inteligência e autenticidade hoje em dia são raridades nos blogs brasileiros!

    • Heloisa EM 23/08/2012 às 17:28

      Nossa, você não faz ideia de como eu fiquei feliz com o seu comentário, foi muito importante para mim mesmo: muito obrigada, Flavia!
      Eu não sou muito de me afetar com os comentários do blog, mas hoje estava sendo um dia difícil, como você pode reparar hahahaha. Não cabem palavras para agradecer pelo seu reconhecimento pela minha verdade, hoje em dia é muito difícil receber críticas construtivas de gente que entende a proposta do blog e principalmente do post, de fazer coisas diferentes, porém com opiniões cada vez mais sinceras.
      Muito obrigada mesmo, fiquei realmente aliviada. Abraço grandão :’)

    • Tamara EM 23/08/2012 às 17:32

      CLAP CLAP CLAP! Adorei seu comentário! Resumiu tudo que eu sinto em relação a 50 shades.

      Beijos

    • BiaB EM 23/08/2012 às 21:59

      Literatura erótica S&M de verdade? A História de O.
      Como disse uma moça aí em cima (das ofendidas, eu acho), há 50-60 anos seria impossível que um livro com essa temática fizesse tanto sucesso. Concordo, A História de O é dos anos 60, por aí. Não fez sucesso. Virou é clássico :)

  23. Mirela EM 23/08/2012 às 17:31

    Ei Heloisa. Então, fanfic significa “ficção escrita por fã”. Ficou muito conhecida no Brasil na epoca de Harry Potter e bombou com Crepusculo. Funciona assim: o autor (fã) utiliza os nomes, descrições fisicas e personalidades dos personagens do livro/serie/desenho que gosta e pode escrever uma historia com outra realidade ficticias em cima disso (e utilizar personagens famosos ajuda a fic a ser lida por mais pessoas, pois eu, por ex, só leio fics de Crepusculo). Infelizmente hoje em dia quase não temos boas fics online, pois quando elas começam a ficar famosas, as autoras “surtam no estrelismo” e param de publicar ou proibem a tradução (aconteceu isso com 50shades). Mas sabem como é, em off rola a corrente e temos muitas fics da epoca de MOTU (50shades) salvas. hehe É um mundo maravilhoso que descobri há 3 anos e tem muitaaa gente talentosa por aí se descobrindo através de um passatempo saudavel(no Brasil já temos 3 livros publicados que eram fics de autoras da nossa terrinha). Outra coisa interessante é que 99% das fics são “HOT” com NC 18, o que leva ao sucesso, pois as pessoas estão mesmo é interessadas em ler as cenas onde os livros sempre cortam (devido a classificação etaria) kkk Bom, não posso publicar as fics que tenho no 4shared, porque né, com todas elas virando livros processo rola facil, mas se você se interessou, responda ao meu email que te encaminho algumas reaaaalmente boas! ;) Quanto a 50shades, não gosto MESMO, li 3 vezes para ver se mudava de opinião, mas não tem jeito. Como eu disse, quem não está acostumado a uma leitura mais quente, vai amar pois é a primeira vez que tem contato com esse genero, mas se prestar atenção ao resto, verá que a autora tem uma escrita juvenil, foge da realidade diversas vezes, a mocinha é totalmente sem noção (virgem e assina contrato sadomasoquista? não aceito) e o mocinho bipolar.

    Obs: O livro “Belo desastre” que esta bombando, também era fic…parece que as editoras acharam a “fonte do dinheiro” kk

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:22

      Nossa, mas se tem tanta gente escrevendo fanfic, realmente devem existir muitos autores talentosos nesse mercado. Muito obrigada por me explicar um pouco mais sobre isso, é muito interessante saber que tantas pessoas têm se interessado por escrever, né? Beijo <3

    • Sandra EM 14/09/2012 às 14:00

      Mirela;

      Só a Heloísa? Puxa… que preconceito! Hahahaha. Poderia pelo menos indicar um site pra procurarmos? Ou alguns títulos? É muita coisa e sinceramente, separar o joio do trigo leva tempo… Que não possuo.

    • Carol EM 04/10/2012 às 00:01

      Oi Mirela tudo bem… Eu não li 50 Shades, e nem sei se quero ler por tantas opiniões divididas, mas sobre essas fanfics que vc tem, vc me passaria??? Curti bastante a historia de Crepusculo apesar de num ser fangirl e tal, mas a historia é envolvente… meu email é carolinefrodrigues@gmail.com valeu !!

    • Bianca EM 06/11/2012 às 17:33

      Mirela manda pra mim tbm, por favor! Email: bianca_almeida2@hotmail.com
      ;**

  24. Vanessa EM 23/08/2012 às 17:36

    É o básico e simples:

    1º Sexo vende, vende mesmo, de todas as formas possíveis.
    2º Hype, existe em todas as partes, a coisa pode não ser tão boa, mas se “todo mundo” gosta, se “todo mundo” compra, então a coisa se torna “excelente”
    3º É uma pena você gostar mais do “real” eu acho que eu gosto de livros justamente por poder fugir do real, que eu já pratico todos os dias para entrar na ficção, que é minha válvula de escape, como de muitos outras pessoas, mas claro, é seu gosto e respeito totalmente isso.
    4º Eu não li este livro e nem pretendo ler…
    5º Sabrinas, Júlias, etc, bem, preconceito contra esses livros é ser bem babaca, saiba que infelizmente muitas autoras que infelizmente foram parar nas bancas de jornais por não terem editoras decentes que não se apegam só aos “hypes” são ótimas e muitos livros não são só sexo…
    6º Leiam Diana Gabaldon, é maravilhoso, é leitura erótica, biologia, medicina, ficção, romance, tudo junto, minha autora de livros favorita, mas já aviso, não é pra “todo mundo”.

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 11:08

      não conheço a autora mas vou ler pela sua indicação :D

  25. Sharon EM 23/08/2012 às 17:37

    Heloisa, se vc ler o meu 1° comentário vai ver que naquele momento eu estava amando a trama do livro, mas de verdade depois de saber que um fanfiction
    (é isso né), me decepcionou, ou seja mudei de ideia totalmente, aff estou frustrada! Por isso q imagina involuntariamente o moça do Crepusculo mordendo os lábios hahaha. Puta merda – Ops desculpa! Falta de conhecimento o meu. Não sou fã da Saga Crepusculo por isso da minha indignação hehe. Bj. Ah! relaxa com isso de Opinião, eu acabei de mudar a minha rs

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:36

      Hahahahahaahahahaha, nossa não tinha pensado nisso: que bom que acabei de ler o livro já, mas com certeza quando for ler os próximos, vou ficar imaginando a Bella e o Edward, estragou um pouco mesmo :(
      Muito obrigada pelo seu comentário, é muito legal saber a sua opinião (e a sua situação né hahahah). Beijo <3

  26. Débora Lauton EM 23/08/2012 às 18:46

    Oi Heloisa,

    Adorei seu post, tenho um blog sobre literatura e amo livros romanticos e principalmente aqueles com pegadas mais quentes…
    Mas esse livro é tão decepcionante, eu acho que é uma espécie de Crepusculo para adultos e isso foi bem frustrante.
    Fiz um post sobre o livro e iria ficar contente com sua visita.
    http://www.leituranossa.com.br/2012/08/cinquenta-tons-de-cinza-e-l-james.html

    beijos,

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:23

      Já estou visitando! Fiquei feliz que você gostou do livro, apesar da decepção. Parabéns pelo seu blog e muito obrigada por compartilhar aqui a sua opinião <3

  27. Tamyres EM 23/08/2012 às 20:16

    A-do-re-i esse post!
    Finalmente alguem dizendo algo sensato sobre esse livre. Eu ja estava me achando louca por ter detestado tanto assim. Li mais ou menos metade e fiquei pensando: isso aqui eh Crepusculo para adultos. O que estao vendo nisso de bom?
    Me sinto aliviada de nao ser a unica pessoa que nao achou o melhor livro ever…

    Xoxo.

  28. Taty EM 23/08/2012 às 20:27

    Achei de mal gosto a citação a lei Maria da Penha!!
    Já que é uma lei tão importante para esse país ainda tão machista!
    Da próxima vez pense melhor antes de fazer “humor” com uma coisa séria dessa.

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 11:16

      Me desculpa, mesmo mesmo tá? Vou avaliar melhor da próxima vez, prometo :)

  29. Gisele EM 23/08/2012 às 20:51

    Heloisa, em primeiro lugar gostaria de te parabenizar por dar sua cara a tapa em uma resenha tão polêmica. É óbvio que um livro que faz tanto sucesso, quando criticado, gera tamanho estardalhaço. Gostei de saber que ainda existem pessoas que se preocupam com a qualidade da história e não só com o fato dela ser um fenômeno mundial ou não. 50 tons é um tipo de livro que serve para quebrar a monotonia de histórias recheadas de vampiros, bruxos e etc, mas não acho que seja o tipo de literatura que te acrescente nada.
    Fiquei chocada ao descobrir que a história era uma fanfic.
    Agora sim a coisa fez sentido. Não é a toa que achei a protagonista a cara da Bela, os mesmos trejeitos e as mesmas angustias e etc… Também sou autora de fanfic e sei que o público alvo é adolescente, mas, até ai você publicar uma fic fraca dessas só porque fez sucesso na internet?
    Condordo plenamente com a sua opinião, Heloisa. A linguagem é infantil, o enredo fraco e me decepcionei muito com a história, sinceramente esperava mais de um livro que faz o sucesso que faz. Ficou óbvio para quem leu crepúsculo que essa história é totalmente baseada no enredo da Stephanie Meyer, mas o que mais me revolta não é isso. É o fato de encontrarmos tantas autoras de fanfic realmente boas (não estou me referindo a mim mesma, mas a muitas outras que conheço) e elas não terem seu talento reconhecido.
    Na minha opinião, o que essa mulher teve foi sorte, pois quem está acostumado com uma boa literatura, com autores de respeito como Machado de Assis e Jorge Amado, não se encanta por essa história.
    Vou terminar a trilogia mais pela curiosidade de saber o fim da história, mas já adianto que não vou mais com tanta expectativa.Muito obrigada Heloisa por compartilhar sua opinião conosco. Um beijo.

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:28

      Nossa, cara a tapa mesmo, e quantos tapas! Acho que eu não imaginava que seria tão polêmico, mas realmente fiquei muito feliz que você aprovou o fato de eu deixar a minha opinião em aberto para debate aqui, recebi muitas críticas por isso e aprecio que pessoas como você, ainda valorizam a sinceridade acima de tudo, hahaha <3
      Também fiquei chocada quando descobri que era fanfic… Fez mais sentido a história pobrinha, mas não fez sentido ter sido publicada por uma editora grande sem antes ser reescrito e aprimorado, né. Mas enfim, é um ótimo sinal de que autores independentes estão finalmente ganhando destaque, espero que você ganhe também e desejo sucesso para a sua fanfic!
      Muito obrigada por compartilhar a sua opinião comigo também, é muito importante! Beijo :)

  30. Lorena Campos EM 23/08/2012 às 21:51

    Heloísa,
    Concordo com a Flávia e acho que você não deveria se abalar com os comentários não. Acho que você exprimiu única e exclusivamente a sua opinião sobre uma leitura. Não sabia que agora é ofensivo não compactuar com a opinião de quem gostou do livro.
    Falo isso como alguém que está lendo sem preconceitos e que, confesso, a única coisa que tem me prendido é, como vc mesmo disse “levitar em uma nuvem de paixão tórrida”, rsrsrrs, mas temos que admitir que o livro é mal escrito, repetitivo e que a forma como o “dilema da mocinha” é conduzida é um tanto quanto adolescente, chega a tirar a paciência.
    Isso sem falar que basta dar uma busca na internet pelo livro para ver que o mesmo sofreu muitas críticas não só pela linguagem simples como também que muitas pessoas se sentiram ofendidas pelo contexto do livro por considerarem um retrocesso da condição feminina (o que acho um exagero, mas confesso que em muitos momentos penso que o Grey deveria ir pastar).
    Em vários momentos da leitura do livro me peguei pensando em qual era a lição do livro e não vi uma só mensagem (lição de moral ou sobre relacionamento) que valesse a pena que não seja a máxima “entre quatro paredes, com o consentimento dos envolvidos, vale tudo”, que a própria autora já declarou que é a grande lição do livro… mas eu realmente tenho que ler uma trilogia para entender isso???
    Acho que as pessoas se ofendem demais a toa, já gostei de muita coisa que teve críticas terríveis e nem por isso me achei diminuída ou ofendida por isso, apenas vejo como um ponto de vista diferente…

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:33

      Fico muito feliz que você tenha registrado o seu comentário, porque é importante para mim saber que algumas pessoas entenderam o sentido real do post, que realmente foi só dar a minha opinião sobre o que eu li, sendo sincera, já que nem todos os livros que a gente lê acaba gostando, né? hahahaha. Jamais quis ofender alguém, como eu disse, é a minha editora favorita <3
      Eu também acho que o Grey deveria ir pastar e principalmente, que a Anna precisa crescer, as vezes ela age como se tivesse 15 anos, né? Muitos dilemas bobos mesmo, concordo com você hahahaha.
      Muito obrigada por ter compartilhado a sua opinião e valeu mesmo por entender a minha, realmente espero que você leia a trilogia inteira e que goste, por que não, né? Que a nuvem de paixão tórrida continue te agradando hahaha. Beijão :D

  31. Carol EM 23/08/2012 às 22:07

    Quanta frigidez!!!

    • Rose Silva EM 24/08/2012 às 01:05

      Não é frigidez, Carol. Pelo contrário. Entendi bem a opinião do post e concordo. E quem tem uma vida sexual ativa e interessante não acha esse livro essa “Coca-Cola” toda! rsss

      • Carol EM 24/08/2012 às 19:01

        Quanto a ter uma vida sexual ativa e não gostar do livro, fale por você! rsrsrsrs
        Acho que cada um tem direito de gostar ou não do livro! Mais que normal!
        Mas o que causa tanto zumzumzum aqui nos comentários acho que não é nem o livro em si, mas a forma sensacionalista que ele foi tratado no post!
        Quem não gostou do livro se sente quase vingado, já que muuuuita gente tem gostado, e quem gostou não fica nada feliz com os comentários!
        Bem, em suma achei despropositado o post, aliás, a forma como foi escrito!
        Tem um tempinho já que acompanho o blog, sem nunca comentar nada, mas entro praticamente todo dia e achei o post bem incompatível com o propósito que sempre vi aqui!
        Tenho certeza que esse post foi escrito, lido, revisado e somente depois postado (a impressão que tenho do blog é de ser muito profissional), ai depois desse burburinho todo com os comentários a escritora fica pedindo desculpas pelas risadias, ironias e citações legislativas!!! Já quando encontra alguma leitora que também não gostou se sente vangloriada e faz mil agradecimentos!
        Ficou bem infantil!
        Quanto à frigidez, a vi bastante presente tanto no post quanto em alguns comentários, mas não vou dar aula de sexualidade aqui, não é mesmo?

        • Heloisa EM 24/08/2012 às 19:13

          Eu não acho que foi sensacionalista não, só dei o meu depoimento sincero da mesma forma que dou em tantos outros posts, a diferença foi que dessa vez eu não gostei de uma coisa que todo mundo (ou quase) gostava.
          Pedi desculpa às leitoras que se sentiram ofendidas, porque de forma alguma tenho esta intenção ao escrever e obviamente fico feliz quando as pessoas entendem a minha opinião como eu realmente tive a intenção de transmitir, acho que todo mundo fica contente quando ganha parabéns ao invés de puxão de orelha e eu não sou tão diferente nesse ponto.
          Muito obrigada por deixar a sua opinião, de qualquer forma. Toda opinião é sempre bem-vinda.

  32. Thamires SM EM 24/08/2012 às 00:23

    Gnahei um marcador de página deste livro na Bienal, estou muito curiosa para ler *.*

    Beijos :*

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:17

      sempre fico curiosa quando ganho marcador também, as editoras mandam bem nessa. quando ler me conta o que achou <3

  33. Rose Silva EM 24/08/2012 às 00:59

    Por que vende? Porque sexo vende! As pessoas ficam curiosas. Mas não passa de golpe de marketing! Só uma mulher muito frustrada com sua vida sexual vai gostar desse livrinho. Joguei meu dinheiro fora!

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 11:17

      Fico triste pela sua compra frustrada e feliz em saber que não fui a unica, hahahaha. Beijo <3

  34. Paula Vianna EM 24/08/2012 às 01:45

    A Emma Watson já falou que ‘no way in hell’ ela vai fazer esse filme, disse que nem ao menos leu o livro e não pretende.

    O livro é mal escrito e tem motivo: era uma fanfic de Crepúsculo que foi editado primeiramente por uma editora online que só lança autores de fanfics e só no formato online (pdf, ebook, etc.), o problema é: mesmo que a autora canse de dizer que ela ‘reeditou’ o livro para ser lançado como uma história independente nada realmente foi mudado! Tudo que ela fez foi trocar os nomes e o resto da fanfic está lá virgula por virgula.

    É tão mal escrito quanto Crepúsculo, são cenas bregas de sexo que ficaram piores ainda na tradução em português.

    Quer ler ficção com sadomasoquismo? Recomendo a trilogia Beauty da Anne Rice, muito mais “realismo” e MUITO mais bem escrita.

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:20

      Os livros da Anne Rice são tão lindos que vou seguir a sua dica e pegar pra ler. Quanto a Emma Watson, é uam pena que ela não vá fazer o filme, assistiria só por causa disso… Adoro ela! Beijo e muito obrigada pelo seu comentário <3

      • Paula Vianna EM 24/08/2012 às 12:28

        A trilogia da Anne Rice não foi lançada no Brasil ainda, na verdade ela foi escrita em 1980-ealgumacoisa mas está sendo relançada lá fora por esse frenzy com livros mais porn.

        Só um aviso: a trilogia é MUITO mais pesada em termos gráficos e em sadomasoquismo que a fifty shades.

        e Thanks o//

  35. Thais Araújo EM 24/08/2012 às 09:05

    Devo concordar com a Helô, o marketing direto e indireto sobre o livro fez com que muitas pessoas acabassem por comprar o livro para ao menos tirar suas conclusões. (talvez seja por isso o estouro de venda e não pela qualidade).
    Não desmerecendo a autora, mas o diálogo é maçante e um tanto repetitivo. O erotismo, se assim pudermos chamar, quando EU li, foi segundo plano. O que me fez ler o livro todo foi o suspense em volta de Grey. Acredito que a autora foi feliz em algumas partes, porém deu ênfase em coisas que não mereciam tanto a nossa atenção. Ouvi rumores que o segundo livro é melhor escrito, e o contexto todo faz diferença com o primeiro, assim esperamos.
    No geral não o classificaria como um livro ruim, mas também não é o melhor best seller de todos os tempos. Literatura fantasiosa, feita pra gente matar um tempo que nem mesmo a gente tem. Em todo caso, vou ler a trilogia pra ver o desenrolar da ficção, a gente perde tanta coisa na vida né? Talvez eu chore pelo tempo e não pelo dinheiro perdido.

    Beijos,
    Continue com seu humor peculiar Helô, a vida seria um tédio se todos fossemos iguais.

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:18

      Gostei muito do seu comentário e fico feliz que você aprove meu humor diferente, hahaha. É muito importante para mim que vocês entendam, beijo <3

  36. Ingrid EM 24/08/2012 às 11:13

    Para quem gostou (ou até mesmo para quem não curtiu) do “50” existe um livro nacional que atrevo dizer ser bem mais legal: “REDES SENSUAIS”. Com certeza voces acharão “Redes” muito mais excitante (e plausível) que o “50”. A história reflete isso que acontece todos os dias, isto é, pessoas se encontrando no real e no virtual através da internet. Apesar da falta de marketing, o livro compensa pelo jeitinho mais “nosso” sem entretanto cair no lugar-comum ou abaixar o nível apesar do alto conteúdo erótico. Gostei e recomendo efusivamente! Recomendei para uma amiga que disse “Este livro parece um imã, depois que li os homens passaram a me olhar de uma forma diferente”. Não tenho nada a ver com o autor, não ganho comissão, sou apenas uma fã. Se quiserem mais informacões eu achei este livro através do http://www.facebook.com/redessensuais

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:39

      Nossa, como assim os homens passaram a olhar ela de uma forma diferente? Falou as palavras mágicas pra todo mundo ficar com vontade de ler o livro hahahaha. Beijo <3

  37. Damares Louise EM 24/08/2012 às 11:41

    Há dois meses atras eu cogitei a ideia de comprar e ler este livro, estava muito curiosa em saber o porque de tanto sucesso, li algumas criticas na internet a respeito do livro e achei melhor não investir meu dinheirinho em 50TC. bjoo

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 12:38

      arrasou em pesquisar antes, hahahaha. Assim você não gastou a toa, né? Beijo <3

  38. mari EM 24/08/2012 às 12:57

    cara, essa foi a melhor resenha que li até agora.

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 18:55

      Nossa, tô assim 1 pouco emocionada hahahaah. Muito obrigada pelo seu comentário, houveram muitas críticas referentes a este post, portanto fico muuuito feliz que você gostou. Beijo <3

  39. Franci Pacheco EM 24/08/2012 às 15:05

    Pelo nome achei que a história seria outra! Não me interessei pelo assunto! Gostei bastante do vídeo *-*

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 18:54

      O nome é tão lindo, né? As capas também! Beijo <3

  40. Thita EM 24/08/2012 às 17:24

    Vim ao blog para ver sobre creme, shampoo, condicionador, dica….
    Para minha (agradável) surpresa leio um post sobre o motivo da minha última discussão: 50 tons de cinza.
    Unir dicas de beleza com cultura e reflexões construtivas me agrada demais.
    Helô, parabéns pela análise feito sobre o livro. Nota 10.
    Bjs

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 18:52

      Fico feliz que você esta gostando da diversidades de assuntos! Beleza é muito legal mas aposto que todas nós temos muito mais assuntos em comum, né? Um grande abraço e muito obrigada pelo seu comentário <3

  41. Tamyres EM 24/08/2012 às 18:19

    Fanfic de Crepúsculo? Puts

  42. Beatriz Teixeira EM 24/08/2012 às 18:48

    Desculpa, mas chamar Mário Vargas Llosa de literatura erotica é um insulto à complexidade da obra dele. Erotismo é um dos diversos elementos dos seus textos. Nem todo livro que tem sexo na história é literatura erótica. Achei super equivocada a indicação.

    • Heloisa EM 24/08/2012 às 18:50

      A indicação não foi exatamente minha e sim da editora, já que a tag ‘literatura erótica’ está estampada em todas as reedições de pocket book deles. Sei porque ia comprar alguns que gostei e não achei muito pesado para presentear a minha avó, mas está escrito tão grande que mudei de ideia para evitar constrangimentos.

      • Beatriz Teixeira EM 24/08/2012 às 19:05

        Acho que fez falta esse esclarecimento, pois, já que você já leu, num post pessoal utilizar a classificação dada pela editora em detrimento da sua própria percepção do livro é algo, no mínimo, digno de nota. Esclareço que gostei de seu texto, mas como fã de Vargas Llosa, não pude deixar de cismar com este ponto.

        • Heloisa EM 24/08/2012 às 19:16

          É então, na verdade depois de ver a classificação da editora eu pensei bastante sobre isso… Eu valorizo muito a obra dele, que ja foi um dos meus autores favoritos. Mas ao mesmo tempo eu não indicaria pra alguém muito tradicional, justamente pelas partes “eróticas”. É complicado esse negocio de catalogos, né? Mas acho que eu indicaria sim Mario Vargas Llosa pra alguem que gostaria de ler algo erótico, porém com um texto de maior valor literario. Mas isso é muito pessoal, claro. Muito obrigada por deixar a sua opinião, de qualquer forma <3

  43. Daiana EM 24/08/2012 às 19:38

    Nossa quanta briga por causa de um livro.. não imaginei que esse livro fosse gerar tanta controvérsia assim… eu particularmente gosto por diversos motivos, acho que somos livres, esse livro faz a mente viajar… gosto de livros bem escritos também, mas tem momentos em que não é necessário prestar atenção a cada detalhe da escrita, da ordem das palavras (claro que tem que ter o mínimo de cultura, mas não precisa ser um clássico da literatura)… na minha humilde opinião, a mulher gosta desse livro quando consegue se libertar de tudo, dos padrões, da sociedade, do que é certo… e fazer coisas inusitadas e que antes era “feio”. Não existe certo nem errado, contanto que te faça feliz e não prejudique a ninguém, está certo. Mulheres sejam livres, talvez para algumas a liberdade não venha com esse livro, mas espero que em algum próximo, todas sejamos livres por completo.

    • Heloisa EM 27/08/2012 às 00:30

      Espero realmente que mais gente leia seu comentário e pense que brigar nao leva a nada… A graça nao é justamente que todo mundo pensa diferente? Achei bonita a mensagem que você deixou aqui. Beijo :)

  44. Gabriela Souto EM 24/08/2012 às 21:31

    A grande verdade é que 50 tons de cinza só foi legal quando o Marcelinho leu.

  45. alice EM 26/08/2012 às 19:50

    eu só acho errado postar um vídeo em que a mulher dá spoiler do último livro sem avisar isso!

  46. Suzana EM 27/08/2012 às 00:02

    Olá, Heloísa!
    Essa é a primeira vez que estou comentando em um post seu. Bom, tá bem polêmico o negócio aqui, né?

    Bom, achei o post bem preconceituoso mesmo. Se é tão ruim, por que faz tanto sucesso? Por que será que eu li, que nem uma louca, há uns anos atrás essa mesma história no fanfiction.net? (ps: mesmo eu sendo casada, graduada em letras português/inglês, tradutora, mulher experiente, madura…)

    Acho a questão da leitura uma coisa muito pessoal! E pessoas muito inexperientes tendem a julgar o livro por quem as escreve… Vamos supor, de maneira lunática, que esse livro tivesse sido escrito por Jane Austen.. Muitas pessoas diriam que a obra é maravilhosa prq afinal de contas, a escritora é Jane Austen (ou alguém que ganhou um nobel).

    A literatura é sentimento, aprendizagem, entrosamento com o leitor… Se o livro não diz nada pra você, por que então massacrá-lo num post preconceituoso? Se não diz nada pra vc, talvez possa significar algo pra alguém. A literatura é algo muito relativo, porém não é passiva de julgamentos como o seu.

    “A linguagem do livro é adolescente, e o conteúdo adulto. Eu achei que houve uma divergência muito grande, tipo você que é mais crescida, não vai gostar da enrolação do livro e de todo o mimimi amo não amo, quero não quero, recebi um email dos meus pais, liguei para minha mãe ela disse isso e aquilo. ”

    “Porém talvez você esteja solteira, ocupada demais para flertar ou de férias num iceberg, nesse caso a leitura da trilogia 50 Tons de Cinza é mais do que recomendada para passar o tempo, aquecer o coração e ficar viajando sobre como você gostaria que estivesse a sua vida sexual ultimamente (ou não).”

    Quem te disse isso? Reveja seus conceitos sobre a literatura, pois ela não pode ser analisada por um ótica preconceituosa… Na realidade, nada na vida.
    Nunca vi nada tão preconceituoso e sem fundamentos. Não vou levantar uma bandeira aqui e dizer que esse livro é um cânone da literatura, mas é um livro bastante divertido! E eu achei que todos os volumes da trilogia possuem um enredo bem envolvente.

    Enfim, era isso :D

    • Heloisa EM 27/08/2012 às 00:24

      Justamente Suzana, concordo plenamente com o que você falou, de literatura ser algo estritamente pessoal, portanto estes trechos que você sinalizou exprimem apenas a opiniao minha e da Kah, como leitoras. Entendo e até admiro que você tenha tido uma experiência diferente com o livro. Muita gente ta adorando ele mesmo, por isso números tão altos, né? Só esperava um pouco mais mesmo, pelo tanto que as minhas colegas falavam hahahahaha. Beijo e muito obrigada pelo seu comentário, toda opiniao importa :)

  47. caroline EM 27/08/2012 às 00:35

    estou surpresa!!não sabia que 50 tons era fanfiction de Crepúsculo,fiquei até decepcionada,eu li os 3 em espanhol antes até que tivesse vindo pro Brasil, eu gostei da história não li com uma critica literária,tem vários livros com escrita bem mais pobre do que este livro,é difícil achar livros bem escritos e histórias boas,enfim 50 tons é um livro bom!confesso que descobrir que ele é baseado em crepúsculo é uma grande decepção,não vi as semelhanças nos personagens para min Ana a personagem principal do livro não se compara a personagem sem graça da Bella mais em fim, to quase lendo de novo agora só para ver as semelhanças.

    • Heloisa EM 27/08/2012 às 12:36

      Ah, ainda mais legal você ter lido sem saber da semelhança, né? Eu também não sabia que os personagens eram inspirados neles, então imaginei pessoas muito diferentes! Até porque o Grey é bem mais imponente do que o Edward, né? Então não misturei personagem, imagino eles beeem diferentes. Deve ser engraçado imaginar eles falando espanhol hahahaha. Se você ler de novo conta aqui se realmente é tão parecido quanto as meninas falaram. Beijo <3

  48. Fernanda Faganello EM 27/08/2012 às 12:28

    Ai meu Deus, que delícia, um livro sobre sadomasoquismo/BDSM *-*
    Entendo realmente esse preconceito com o mundo dos fetishes, eu respeito.
    Mas vocês não tem noção a delícia que é viver como Dono/escrava, Dominador/submissa, Sádico/masoquista.
    COMPRAREI COM CERTEZA ESSE LIVRO

    Se vocês não curtem essas coisas de sadomasoquismo ou dominação e submissão, tudo bem, mas galera, SE LIBERTEM COM SEUS FETICHES E SUAS FANTASIAS, é uma delícia

    bjão ;***

    • Taty EM 28/08/2012 às 17:20

      Depois de tanto ouvir falar nesse livro, fiquei curiosa e fui procurar na net sobre o q se tratava, adoro romances, vou de romances água com açúcar (Julia, Sabrina e etc ) até o bemmm quentes (Tipo Ellora’s Cave), passando até mesmo por alguns BDSM , alguns realmente quentes (Lora Leigh – série Bound Hearts) …. enfim, claro que fiquei curiosa e acabo de ler “50 tons”.
      Eu estou realmente gostaria de saber o pq de tanto barulho pelo livro…. Li outros livros com personagens com grande traumas e nem por isso viraram adeptos do BDSM e em contra partida (o q deixa o livro muito melhor) li livros em q o cara curte BDSM, simplesmente porque curte, pq gosta, sem precisar de justificativa alguma, tem gente q gosta, é um estilo de vida.
      Bem, fora os clichês e cenas que deixam a desejar em matéria de sexo, até mesmo deixando de lado a “deusa interior” dela (acho que foi o único momento em que realmente me diverti no livro porque ficava visualizando a figura encolhida atrás do sofá por exemplo), acho q o q mais me chamou a atenção foi ver o BDSM sendo mostrado como um distúrbio, algo para ser “consertado” e ao mesmo tempo ver pouco de BDSM no livro. (Aliás, ver pouco de tudo, porque realmente enrola MUITO).
      Não conheço a fanfic, mas traçar um paralelo entre Cristian e o Edward ??? Caramba o Edward não queria nem fazer sexo com a Bella por medo de feri-la e nosso querido Cristian dá uma surra de cinto na Ana… sem comentários…

      • Heloisa EM 28/08/2012 às 17:27

        Também não consegui traçar a semelhança entre os dois personagens masculinos! Muitas meninas me alertaram aqui nos comentários, mas até fisicamente acho diferente… Deve variar de acordo com que cada menina está imaginando, eu acho hahahaah. O que me chocou é saber que essa série Bound Hearts é meio “pesada” sexualmente, tem uma velhinha que pega metrô comigo que sempre está com esse livro na mão, moderninha ela hahahaha fofa!
        Muito obrigada por registrar a sua opinião <3

        • taty EM 29/08/2012 às 11:11

          Sim, velhinha bem moderninha…. kkkkkkk … menina… Bound Hearts é delicioso….com homens deliciosos…. (série de 7 livros)… bjus

      • Eliane EM 23/09/2012 às 11:43

        Taty, achei seu comentário ótimo!

        As pessoas aqui falaram tanto em preconceito, mas a própria autora tende a ser preconceituosa quando demonstra que ele tem um motivo obscuro para gostar de BDSM. Reclamam da brincadeira com a Lei Maria da Penha, mas escrevem com tanta agressividade que me faz pensar o que poderia acontecer se estivessem cara a cara com a autora do post.

        Eu só vi semelhanças com Crepúsculo, no jeito auto-depreciativo dos personagens e o fato de ser fanfic ajuda a explicar o sucesso: depois de três livros daquele “chove não molha” entre o Edward e a Bella, quem não quer ver uma história onde o cara “pega” mesmo? Eu só acho que, como fanfic, a autora foi de um extremo ao outro sem necessidade.

        De qualquer forma, o livro faz sucesso porque gera curiosidade. As pessoas começam a ler porque o outro leu, e depois que começam, todo mundo quer saber o que foi que aconteceu de tão ruim no passado do personagem para ele ser desse jeito.

        Enfim, pra mim é só mais um livro e seu post só mais uma opinião. Não vejo motivo para os ânimos tão inflamados.

  49. camilla EM 27/08/2012 às 15:00

    Oiee, primeira vez nesse blog, bom quando li o livro, nao sabia que era baseado no Crepusculo ( que eu vejo os filmes mais nunca li os livros), e desculpa, GREY NAO TEM NADA A VER COM EDWARD KKK, que ridiculo isso! Bom mas vamos a leitura, AMEI o livro, e não que eu nao tivesse lido antes “historinhas de sadomasoquismo”. Como foi comentado, acho que realmente esse livro nao é para uma menina de 11 anos nem de 12,13 enfim… Achei o enredo realmente “embromation” rs, mas a pegada que agente fica imaginando que o Grey tem hmmmm, e não é so pq todo mundo leu que eu li, indiquei por exemplo a uma amiga minha que só teve 1 cara na vida e nao faz sexo, vcs acham que ela nao vai amar e ficar excitada em ler uma coisa que ela nao faz? então de certa forma vai ajudar muitas mulhesres que sequer tem coragem de falar de sexo; já eu com minhas amigas que somos suuuper desbocadas, lemos e demos muitas risadas. Não fiquei mais culta, mas que deu uma apimentada na relação, ô se deu… Beijos

    • Heloisa EM 27/08/2012 às 15:07

      Então, algumas meninas comentaram que o Grey parece com o Edward, mas daí acho que vai da imaginação de cada um mesmo, né… Penso nele de uma maneira totalmente diferente, mais velho, mais imponente, outra pessoa!
      Realmente, talvez meninas que não se sintam bem em falar sobre sexo curtam bastante ler mais sobre o assunto, bem pensado. Se já serviu pra você rir e conversar com as suas amigas, a missão do livro como entretenimento já valeu a pena. Beijo <3

  50. Caroline S. Souza EM 27/08/2012 às 19:19

    Olá,

    Alguns meses atrás, eu li em uma revista sobre o tal livro. Sua descrição principal era a de “pôrno para mamães”, e falava de sua relação com a saga Crepúsculo mas, como era apenas um nota de roda pé, não imaginei que faria tanto sucesso até que vi o estandi da intreseca todo decorado com a temática do livro.
    Fiquei curiosa para saber da HISTÓRIA e me entregaram o primeiro capítulo do livro que li rapidamente. Notei várias características nos personagens que lembravam os de Crepúsculo, até este determinado ponto, não notei nada demais, apenas acabei me interresando mais pela obra.
    Foi então que começei a pesquisar, para saber realmente se o livro era assim tão pesado como é relatado (afinal, sou de menor de idade e eu não quero contrarirar nenhuma regra sociológica que me proibe de ler sobre relações sexuais) acabou que por pior que fossem as críticas, minha curiosidade apenas aumentou.
    Não vou negar que é pela parte que mais chama atenção na História (o sexo) mas é pela forma como as pessoas falam dela. Quando fui à Bienal, a vendedora me informou que essas partes não eram tão pesadas, que o livro era em si, como qualquer outro romance e que as pessoas apenas o interpretaram mal por causa das cenas de sexo.
    Quero deixar claro que não estou procurando opniões, mas sim fatos. Me interresei pelo livro e apenas peço uma resposta para que eu decida se devo ou não ler a história.
    As cenas de sexo são, realmente, tão fortes quanto o indicado?

    Obrigado pela atenção!
    Boa Noite!

    • Heloisa EM 28/08/2012 às 12:08

      Então Carol, é um pouco complicado medir o que é forte ou não, né? Depende muito da sua criação e do que você define como forte. Se eu tivesse uma filha, jamais deixaria ela ler antes dos 16 anos porque acho que a abordagem sexual não deve ser feita antes disso, para a criação de valores e definição de prioridades na vida de uma garota. Mas isso é muito pessoal, é totalmente a minha opinião mesmo e não sei se tenho muita propriedade pra falar sobre isso, né. Estou te falando de ~amigas~ mesmo, hahahaah.
      Se você está muito curiosa para ler o livro, leia. Eu não seu quantos anos você tem, mas to chutando uns 15 ou 16 anos. Neste caso mal não vai fazer, só o fato de você se preocupar em ler coisas voltadas para a sua idade já mostra amadurecimento da sua parte. Mas o que eu recomendo mesmo, é que você pergunte para alguém mais próximo, como sua mãe, irmã, tia, vizinha, o que eles acharam do livro e se é indicado para você ;)
      Beijo <3

  51. Helena EM 27/08/2012 às 19:39

    Eu já passei da metade do primeiro livro e estou achando a coisa mais sem graça, clichê e doentia. Sadomasoquismo não sou adepta, mas gosto é gosto, mas sem acho que tem que ser espontãneo e não imposto, senão é tortura. O problema principal deste livro e do sucesso que ele está causando me preocupa. O personagem principal é uma pessoa totalmente perturbada, tirana, chantagista, machista e manipuladora. Não interessa o que a parceira gosta ou gostaria de experimentar (até pq ela é zero quilômetro de um jeito de menina de 11 anos…poxa…nunca se masturbou sozinha??! em que mundo ela vive…nos livros da saga Crepúsculo??), mas sim tem que ser do jeito dele. Se a gurizada anda suspirando com esse livro… o principe encantado foi parar na literatura de Mentes Perigosas. Vou terminar o livro para ver o que essa ingênua ou retardada da personagem Ana vai decidir fazer. Se é para ler literatura bobinha…prefiro a Irmandade da Adaga Negra e afins. Bjos

    • Heloisa EM 28/08/2012 às 11:59

      Justamente, parece que os valores se inverteram um pouco, né? Acho que foi justamente isso que mais me chocou no sucesso do livro, é realmente estranho que tantas garotas estejam interessadas em estorias assim ultimamente. Mas ao mesmo tempo fico feliz pelas que estão gostando do livro, detesto ficar decepcionada com uma compra hahahaha. Beijo <3

      • Raíssa EM 05/09/2012 às 18:09

        Você foi preconceituosa também neste comentário..
        As pessoas devem se libertar! E sinceramente, depois de tudo o que você escreveu aqui, você deveria também ser mais livre!
        Sexo não é pecado! Você não está contra nenhuma lei!
        Não li Crepúsculo, não assisti nenhum filme, não tenho a menor idéia da história, mas mesmo assim o enredo de 50 shades me pegou.. A escrita é meio pobre ás vezes, as expressões se repetem sim, mas é uma leitura leve, tranquila..
        E antes que me chamem de precisada.. Acabei de me casar e minha vida sexual vai muito bem, obrigada.

        • Heloisa EM 05/09/2012 às 18:16

          Fico feliz que esteja gostando do livro! Acho que vou esperar e assistir o primeiro filme pra ver se acho a coisa toda mais legal. Beijo e obrigada por registrar a sua opinião <3

  52. Paula EM 27/08/2012 às 20:18

    Bom meninas, entrei no blog exatamente para saber a opinião alheia, e é claro que nem todos vão gostar… Eu particularmente adorei, li o livro em 3 dias! As pessoas falam do livro como se ele fosse só sexo, mas o que elas não entendem é que virou uma febre simplesmente pelo fato se ser um romance! Afinal, sexo é apenas sexo… Ele pode ser com correntes, chicotes, etc, mas continua sendo sexo. E vamos combinar que as “meninas” de hoje em dia, sabem muito bem o que é sexo. Tenho 23 anos, e adoro livros de romance, que me tirem um pouco da realidade, e esse com certeza foge bastante da realidade.
    Enfim, eu adorei, e não vejo a hr de ler o 2º e o 3º!

    • Heloisa EM 28/08/2012 às 11:55

      Adorei seu comentário! Com certeza viver um romance diferente, mesmo que na literatura, é o grande motivo para tantas garotas gostarem tanto de 50 tons. Espero que continue adorando os outros 2 volumes, quando acabar de ler me conta <3

  53. Daniela Martins EM 28/08/2012 às 10:13

    Que bom que alguém assumiu que não gostou do livro.
    Eu achei a história meio adolescente, mas mesmo assim eu gostei muito.
    Alguns livros são para divertir, e foi assim que me senti lendo o livro e estou curiosa para ver como termina a história.

    • Heloisa EM 28/08/2012 às 11:37

      Pior que mesmo não gostando muito do primeiro, também fiquei curiosa pra saber como que a coisa vai terminar, hahahahaha. Muito obrigada pelo seu comentário <3

  54. Fernanda Fernie EM 28/08/2012 às 10:54

    Indo na contramão do post, amei esse livro e não vejo a hora de ler os demais. Nunca li a saga crepúsculo nem pretendo ler, porque odeio esse lance de vampiros, então n sei se a autora “pegou inspiração em edward”
    N concordo com o post, mas respeito porque é a sua opinião,vc n gostou e ponto final!
    Eu indiquei a todas as minhas amigas, 5 já leram e todas amaram, inclusive vamos nos reunir para discutir sobre o livro. O livro me causou estranhas sensações e quanto à violência, nada se compara com lei Maria da Penha, porque na Maria da Penha não há consenso né? Diferentemente do sadomasoquismo. Ele propos, ela aceitou e resolveu testar os limites dela. Enfim, o livro abriu minha mente e coisas que eu afirmava: NUNCA FARIA..quando li o livro vi q faria sim, me coloquei por inúmeras vezes no lugar da Ana!
    Mesmo discordando da opinião do post, achei que ele foi válido e bem escrito
    Bjos

    • Heloisa EM 28/08/2012 às 11:35

      Nossa que legal isso de você e suas amigas se reunirem para conversar e debater sobre o livro! Tem tantos outros lançamentos que todo mundo lê, espero que mais pessoas se inspirem na sua ideia e combinem encontros assim. Acho que assima leitura fica ainda mais divertida :)
      Você tá certa, a lei maria da penha é algo bem mais sério, deve ser ativada quando algo é feito contra a vontade da mulher, foi só uma brincadeirinha mesmo ;)
      Muito obrigada por deixar a sua opinião, fico feliz que este livro esteja te fazendo tão bem. Beijo <3

  55. Yasnaya EM 28/08/2012 às 19:53

    É o livro mais irritante que já li, muitas repetições, juro que se eu encontrasse E.L. James eu pegava o chicote do Christian e dava na cara dela.
    Ok sobre o sexo nada a declarar excitante, tirando a violência,
    as trocas de e-mail achei bem engraçadas, ela fugindo dele na mesa, foi massa hohoho.
    Mas podia ser melhor, como muitas já falaram aqui né.
    Agora que eu quero muito ver o final da história, mesmo boba que ela seja. :D
    AHHHHHHHHHHH mas fiquei feliz de não ter comprado o livro baixei na ilegalidade ops!

  56. Sylvia EM 29/08/2012 às 00:11

    Acho que na verdade é só mais um livro para as pessoas pseudo-cults ficarem falando coisas como “o livro é uma perda de tempo”, ou “ai igual a saga Crepúsculo”. Acho que existem livros e livros. Se você quer ler um livro de conteúdo, você vai ler um livro técnico da sua área de profissão, quer enriqecer culturalmente? Vá ler um livro de um escritor que vale a pena. Agora, se você quer se distrair, por que não ler uma bobagem? Se isso faz o seu gênero, o que é que tem? Como já disse a autora do texto, existem livros em bancas de jornais que vendem literaturas romanticas a anos e ninguém faz esse tipo de comentário. Tanto o vídeo da menina recomendado pela Kah, sinceramente? Nada mais patético do que brasileiro achando que é americano e usando as expressões deles. Fica ridiculo. Ainda mais com sotaque. Tá no Brasil, fala em português, já dizia Renato Russo. Mas enfim….
    Acho que o livro, assim como Crepúsculo, livros da Meg Cabot, ou qualquer outro livro que encontra-se neste contexto trata-se de um livro de bobagem para você passar o tempo. É muito simples, gostou? Lê, não gostou, passa adiante! Só não ache que vale todo esse moralismo em cima das coisas.

    Mas quer saber? Você A-D-O-R-A-R ler o livro se você como eu, tem 23 anos, se formou com láurea academica na faculdade e acabou de passar na prova da Ordem.

    Leia, seja feliz, e deixa os livros técnicos e culturais para os pseudo-cults haters que gostam de falar mal de tudo! :)

    E Kah, você é a melhor. (Y)

    • Heloisa EM 29/08/2012 às 00:31

      Hahahahahaha tipo gente que mora de aluguel masss recusa a usar tal expressão, diz que paga ao LANDLORD. Bom, brincadeiras a parte, fico feliz que você tenha gostado do livro. Eu realmente esperava mais, porque foi quase um mês inteiro ouvindo as minhas amigas falando como era a coisa mais legal da vida delas. Mas to vendo que bastante gente curtiu e acho que qualquer literatura é assim, né? Seja de banca de jornal ou até essas “mais cultas”, sempre vai agradar e desagradar muita gente.
      Agora eu to aqui de de decidindo se leio ou nao os outros, li coisas sobre o terceiro livro que jamais imaginaria hahahahah. Beijo e muito obrigada pelo seu comentário <3

    • Sandra EM 29/08/2012 às 13:59

      Sylvia, parabéns! Um comentário muito pertinente. O que eu mais lí aqui foi; “não gostei mas vou ler os outros”… Ah, por favor né? A verdade é que gostaram mas estão com vergonha de assumir isso, quem não gostou não lerá. Ainda existe muito tabú com relação a sexo e existem pessoas (leia-se mulheres) muito “falsos-moralistas”.

    • tati EM 28/09/2012 às 18:13

      oi silvia! cê já viu alguma entrevista do renato russo? sério? náo, né? pra achar que ele dfisse uma coisa dessas e nao usava expressoes em inglês, só pode, rsrsrs, sorry, tive que rir do teu comentário escroto – isso aí é inveja, em vista a sua incapacidade de aprender inglês ;) bjo, flor ;)

    • Rose Silva EM 03/10/2012 às 04:13

      Não se trata de preconceito. Curto literatura erótica e adoro sexo. rs E eu leio de clássicos como os de Machado de Assis a Irmandade da Adaga Negra pq amo literatura! Aliás, Irmandade da Adaga Negra tem cenas de sexo muito mais bem escritas. 50 Tons de Cinza é mal escrito mesmo! Lixo literário com um bom marketing para alcançar as massas. Ainda que a leitura seja apenas para diversão, faço questão que seja de qualidade. Afinal, estou investindo meu dinheiro e tempo nisso. Por exemplo, estou curtindo muito o volume 1 de Millennium, Os Homens Que Não Amavam as Mulheres. Quero ler toda a trilogia! É super comercial, mas tem qualidade! Já 50 Tons de Cinza é um amontoado de tolices que subestimam a inteligência do leitor o tempo todo. Houve momentos em que pensei que se eu tivesse que ler novamente a expressão “deusa interior” ou descrição da mocinha mordendo os lábios eu iria jogar o livro no chão, pisar em cima e atear fogo!
      Mas entendo que haja pessoas que gostem desse tipo de leitura. Se esse livro fez mais pessoas lerem, já cumpriu um bom papel.
      Eu li e baseada no que conheço e no que eu esperava, tirei minhas impressões, assim como a autora do texto e a Tatiana Feltrin no vídeo. Isso é crítica. É opinião sobre uma obra. Não vi preconceito algum! Paz e boa leitura para todos!

      • Heloisa EM 05/10/2012 às 12:11

        Nooossa, você vai adorar a trilogia millenium! Muita gente assusta porque os livros são gigantes, né? Mas vale muito a pena, é uma leitura superinteressante <3
        Muito obrigada pelo seu comentário e por registrar a sua opinião, concordo com você: o que importa é formar cada vez mais leitores. Beijo :D

  57. Bianca EM 29/08/2012 às 20:52

    Olha, li o primeiro livro e fiquei curiosa para ler os outros. Se serve de consolo os outros 2 são bem melhores, pelo menos a história desenvolve… O primeiro realmente é meio chatinho, mas para quem é fã de trilogias vale a pena ir até o final.

    • Heloisa EM 30/08/2012 às 11:42

      Legal você ter falado isso! Eu realmente achei o primeiro bem decepcionante, mas tem tanta gente que leu já em inglês, espanhol, que achou a trilogia legal, que talvez eu até leia os outros dois. Tem gente falando que até filho ela vai ter… Jamais imaginaria algo assim lendo o primeiro, hahahaha. Beijo <3

  58. Nah EM 29/08/2012 às 22:54

    ahhhhhhh….eu amei o primeiro livro. Já o li 2 vezes. Esperando anciosa pra coprar o segundo e o terciro.

    • Heloisa EM 30/08/2012 às 11:37

      Caramba, como você lê rapido hahaha. Nem faz tanto tempo que o livro lançou! Mas fico feliz que esteja gostando tanto <3

  59. sarah mendes EM 30/08/2012 às 14:59

    Eu discordo! auhauhau, li toda a triologia em 2 dias ( li em inglês mesmo, tá difícil esperar). Então não é um livro que eu indico para qualquer pessoa, porque a linguagem é sim forte,e bla bla bla, que eu nem importo, o conteúdo sexual é muito bem escrito na verdade. Enfim, os outros livros explicam mais as coisas mal explicadas do primeiro, mas eu ADOREI E a escritora está de parabéns. leiam antes de opinar gente!

    • Heloisa EM 30/08/2012 às 15:16

      Concordo! Seria muito legal que todas lessem antes de formar uma opinião. As vezes o que me agrada ou desagrada, pode ter um efeito diferente na vida de outra garota, né? Beijo <3

  60. magrela EM 30/08/2012 às 15:19

    Amei o livro e estou ansiosa aguardando o 2º. Seja lá qual for o final dessa estória me prendeu como nunca. Nunca gostei de ler e agora tudo despertou em mim para a leitura.

    • Heloisa EM 30/08/2012 às 15:20

      Isso é ótimo! Ler é muito gostoso, tenho certeza que agora você vai se interessar cada vez mais <3

  61. Malu EM 30/08/2012 às 15:44

    Não tem mistério nenhum o lvro estar estourando. Quando todo mundo comenta sobre alguma coisa,ela faz sucesso. Quando li essa reportagem no dia do post,pensei “quer m*. deve ser um lixo”. Mas dois dias depois,sem nada interessante pra fazer, baixei na internet e me apaixonei. Comecei a ler no dia 25/08 às 00:00 e parei às 5:20! ahaha Comprei o livro na ultima terça e já li inteiro. Estou ansiosa pelo lançamento de 50 tons mais escuros. A história é mt boa,tirando a desnecessária mínima descrição do sexo. O modo como Ana e Cristian estão se envolvendo me prendeu. Eu amei e super indico. Um romance bem típico,mas que ninguém jamais teve coragem de contar.

  62. Roberta EM 30/08/2012 às 16:54

    Olá Heloisa, tenho que concordar com todos os seus comentários, queria saber se você leu o “Toda Sua”, se leu poderia me passar sua opnião a respeito?

  63. Carol EM 30/08/2012 às 18:04

    Bem bem bem… Eu sou a “adolescente” público alvo que você diz. Tenho 16 anos e todas as minhas amigas leram esse livro e falaram pra eu ler. Deve ser coisa do tinhoso, sobrenatural ou no mínimo sinistro: T-O-D-A-S E-L-A-S eram fãs de crepusculo e tinham um poster dele. Não é possível, muita COINCIDÊNCIA mesmo. AH VÁ!
    Esse livro para mim não passa de um crepúsculo para mulheres quarentonas sonharem com seu edward, mas nem todas, já que como crepúsculo, esse livro não agradou a todas mulheres (minha mãe por exemplo, que depois de ler faltou tacar ele em mim, não por causa do conteúdo erótico, e sim pela porcaria que eu disse para ela ler)
    O.K. Estou sendo rude. Você provavelmente goste se for do tipo safada e ao mesmo tempo sonhadora, mas vai se cansar do lenga lenga. Uma dica? Vai ler Gabriella. Ou assistir.

  64. Roberta EM 30/08/2012 às 18:11

    Então eu li ambos é na mesma linha, porem, o “Toda Sua” é muito melhor escrito os personagem são melhor elaborados, acho que para quem gostou do “50 Tons” vale a dica. O “Toda Sua” também é uma trilogia só que o 2ª volume só estará disponível no Brasil em Janeiro de 2013, segundo informações da própria editora, mas como estamos nesta onde acho que vale comentar que a profundidade do “Toda Sua” e extremamente superiro ao outro, com detalhes de ambiente bem escritos e sem a repetições e a leitura cansativa do “50 Tons”. Se tiver a oportunidade de ler gostaria que depois me desse sua opnião.

    • Heloisa EM 30/08/2012 às 18:15

      Fiquei curiosa, se você leu os dois e achou esse mais legal, acho que vou tentar! Estou no meio de um outro livro, mas assim que acabar vou pegar esse pra ler. Aproveitarei que tá em promoção no submarino por 20 reais hahahaha :D

  65. Leo EM 30/08/2012 às 19:24

    Boa HAHAHA

  66. Seraphina EM 30/08/2012 às 21:21

    Comecei a ler empolgadíssima, até porque li e assisti Crepúsculo, mas confesso que comecei a enjoar…virou “papai e mamãe” Hahahah…Mas peguei algumas dicas de outros aqui nos posts…Valeu!

  67. Aline EM 03/09/2012 às 10:07

    Eu nem acredito que eu li tudo que vc escreveu e no final vc diz que ainda não leu o livro todo e já tem uma opnião formada hahaha…

    • Heloisa EM 03/09/2012 às 11:25

      Quem escreveu o post, fui eu, a Helô :) Lí o livro inteiro, quem não leu e apenas deixou um comentário no fim foi a Kah <3

  68. Fernanda EM 03/09/2012 às 11:19

    Post legal. No Pun Intended, certo? kkk. Gostei de uma visão negativa entre tantas positivas. Mas, infelizmente, tenho que discordar. Se querem ler algo bem à la bondage, leiam Anita Blake. É bondage e com vampiros ainda por cima. Hehe. Já quanto ao livro, para mim é muito cedo para formar uma opinião concreta, porém, gostei muito da elaboração dos personagens. Apesar das comparações entre Crepúsculo e 50 Tons de Cinza, não acho que deva haver a mesma. São personagens parecidos ou baseados? São. Só que, no fim, Christian Grey é o retrato de um homem que qualquer uma pode encontrar um dia. Tire a questão do dinheiro ( que é difícil). Ele tem uma personalidade apaixonante. É um homem com um perfil existente. Já o Edward, brilha no sol, tem presas e consegue ouvir os pensamentos dos outros. É totalmente descartável quando agente fecha o livro.

  69. Denise Umlauf EM 03/09/2012 às 13:23

    Comprei esse livro porque a curiosidade estava me matando. A história não é ruim (dá até uma certa curiosidade em ser amarrada e ter os sentidos aguçados), o que me irritou muito foi a tradução. Tanto que nem terminei de ler. Faltam poucas páginas e não consigo terminar. Parece que jogaram o texto em inglês no Google Translator, fizeram uma revisão porca e mandaram para impressão. Quem sabe eu mude de idéia e comece a ler os outros dois em inglês, porque e, português está muito vergonha alheia.

  70. Emily EM 03/09/2012 às 16:40

    Oi,adorei seu blog.
    Começei a ler o livro depois do seu comentário e apesar de ainda estar no inicio por hora estou gostando,só nao suporto o tal de Christian que se mostra um tanto arrogante,prepotente mas enfim Vamos ver o que vai acontecer…rsrs

  71. Sabrina EM 03/09/2012 às 20:15

    Ainda bem que gosto é uma coisa pessoal! rsrsrs
    Eu li e adorei!
    Apesar dos meus 34 anos eu leio livros mulherzinha, desses mesmo, voltados para o público adolescente. Esse foi na medida pra minha sede, nem tão adulto, nem tão adolescente. Ansiosa pelos outros dois! Afffffffffffff!

  72. Itala Jéssica EM 04/09/2012 às 02:08

    eu li praticamente todos os comentários… rs legal ver essas briguinhas “vc não sabe escrever, pense no que vc fala” na maior falsidade rs aiai e ah, NÃO LI O LIVRO! rs

  73. Bruna EM 04/09/2012 às 12:51

    É realmente curioso ler as críticas sobre este livro…estou me divertindo.
    Se me permite acho que também tenho comentários a fazer sobre o que escreveu, pra isso que serve blog né! rsrsrsrs…

    Não sei pq as pessoas acham que sexo é um absurdo. Todo mundo faz, ou pelo menos uma grande maioria…todo mundo gosta…e a maioria adora se fazer de puritano, pura hipocrisia.
    Acho engraçado você dizer que está lendo uma trilogia, pois não tem o que fazer. Sendo que cada livro tem em média 500 páginas…noooooossa, isso realmente é não ter o que fazer MESMO! Para uma pessoa que adora ler, acredito que teriam muitos outros livro para ler enquanto não tem o que fazer! Não sei pq te espanta a quantidade de pessoas que estão interessadas neste livro, sendo que vc além de querer ler a trilogia toda, ainda fez comentário no seu blog sobre o livro.
    Algumas pessoas ficam espantadas não sei pq…ou se fazem de espantadas né…pois pra mim é o mesmo que achar que a minha mãe ainda é virgem. E entre quatro paredes duvido que não fazem o mesmo ou até coisa pior.
    Ninguém te obriga a ver um filme pornô, ou uma playboy, assim como ninguém está obrigando a ler a trilogia completa.

    Seria uma tremenda chatisse se todos gostassem da mesma coisa. Mas o que não concordo é com o julgamento. A sociedade quer impor aquelas literaturas que caem no vestibular, que na minha opinião são péssimas e nem obrigando o aluno a ler vira best seller, querem dizer que MPB é a melhor música que existe e que pessoa culta é aquela que le Dom Casmurro e escuta Chico Buarque.

    SOCIEDADE HIPÓCRITA!

    Desculpe qualquer grosseria. Mas queria demonstrar minha opinião.

    Parabéns pelo blog.

    • Heloisa EM 04/09/2012 às 12:58

      “nem obrigando o aluno a ler vira best seller” HAHAHAHAHAHAHA realmente, nem obrigando todo mundo que faz vestibular a comprar 1 exemplar, entra na lista dos mais vendidos, muito bom.
      Ninguem me obrigou nada mesmo, comprei o primeiro porque achei que seria o máximo e me decepcionei. Quanto a ler o resto da trilogia, vai depender da lista de livros que eu realmente quero ler andar mesmo. Beijo <3

  74. Jessica Brellaz EM 04/09/2012 às 15:28

    Porque não nos juntamos todas e mostramos umas pras outras o que realmente é sexo e prazer?
    Tons de cinza não é de nada. SOU MAIS EU E MEU CORPO!!!

  75. Juliana EM 04/09/2012 às 16:27

    Nao li todos os comentarios ainda, tem muitos… heheh
    Eu concordo plenamente com a autora do blog e acho que falar a opniao é sempre bom. Ou opinioes publicadas na internet tem necessariamente que ser positivas?
    Serio, saí na internet a procura examente disso, pessoas que concordassem que as revistinhas Sabrina de repente estão valendo milhoes! rsrsrs
    Sou casada e suuuper fã de Crepusculo e descordo de alguem aí que disse que sao os fas de crepusculo que cresceram (srsrs), ate porque a maioria das pessoas que vi comentando sobre o livro sao mais velhas e nao leram crepusculo e muito menos sabiam que isso foi uma fanfiction, como eu sabia.
    Acho ate que esse fato colaborou para o livro ser super sem graca para mim. Os mesmos carros, detalhes, palidez, desastrada, melhor-amigo-quase-irmao-que-me-ama, carro caindo os pedaços, riquezas, personagens… com outro nome e fazendo sexo loko…
    Na boa… esse livro nao merecia esse sucesso todo meeeeeesmo…
    Masss, o povo gosta de uma moda ne!
    Eu mesma fui uma que so li pq nao aguentava mais todo mundo vir me perguntar (ja que sou conhecida como papa livros) o que achei…
    Enfim, Heloisa to com voce…

  76. Adriana EM 04/09/2012 às 17:14

    Alguém já leu ou ouviu alguma opnião de Toda Sua(Bared to You) que faz parte da trilogia Crossfire, de Sylvia Day? Li uma pequena nota dizendo que é na mesma linha de 50 Tons de Cinza, porém melhor escrito. Quero arriscar.

  77. Alice EM 05/09/2012 às 13:50

    Nosssa, acabei de ler o primeiro livro e vim procurar na internet para comprar o segundo e acabai caindo aqui, um blog que eu já acompanho desde que a Kah fazia parte do Shampoo de Laranja…
    Gente…eu acho que livro é algo tão intimo quanto beijo…cada um gosta de um jeito e o mesmo beijo nao tem o mesmo efeito em 2 pessoas diferentes.
    Sou uma mulher de 30 anos, nao sou frustrada sexualmente e nem me choca nada que se diz respeito a sexo, concordo com o comentário feito quando diz que mistura um pouco do universo teen com o adulto e com algumas passagens repetitivas como dos lábios da Anastasia…
    Porém, pra mim o livro foi muito além..mexeu com algo não erótico e não explícito foi muito mais a fundo…foi tipo como ter uma palavra na ponta da lingua e não lembra-la e então “pum”…alguém vem e fala…e vc pensa…puxa…era isso!
    Por isso acho que depende de quem lê, e da personalidade de cada um e da bagagem de vida que carrega o livro pode afetar tanto de diferentes formas, negativas ou positivas.

  78. Ana EM 05/09/2012 às 23:05

    Olá acredito que irei destoar da maioria dos comentarios…Gostei do livro, acho que o principal atrativo do livro é a relação, independente de ter sexo ou não. O personagem principal é controlador e sadomasoquisa. Mas ao mesmo tempo está se conhecendo junto com a mocinha, que na minha opinião é bem esperta..Sinto q ele se permite descobrir atraves das intervenções que elas faz e principalmente atraves da inocencia dela, por nunca ter tido um relacionamento. No fundo Christian é um fraco, em busca de alguém com muito mais poder q ele. E acaba encontrando em Ana esse poder.

  79. Carolinna EM 06/09/2012 às 13:03

    Ta estourando tanto pq ta quebrando tabus! Pq muitas mulheres tem vergonha de fazer sexo ou se acham incapazes de sentir prazer numa relação, ou tem preguiça, ou sexo é só papai e mamãe, enfim. Digo isso pq já fui dessas. Esse livro mostra além de sadomasoquismo. Mostra liberdade também, apesar das palavras contrato e derivadas, dono da sua vida e derivadas. Liberdade de uma mulher ter prazer, sentir prazer com determinada coisa sem ter vergonha, sem pensar o que a sociedade vai achar. Viver intensamente uma relação a DOIS. Eu sinceramente achei super excitante, todas minhas amigas gostaram. Acho um tremendo exagero relacionar lei Maria da Penha com ele, pois há uma ciência e aceitação da parte da ‘mocinha’. Opiniões estão aí para serem respeitadas né? Só acho que se fosse realmente TÃO ruim assim não teria vendido o tanto que vendeu e não teria sido o boom que foi. Mas cada uma tem seu gosto.

  80. Helena EM 07/09/2012 às 03:02

    Eu li o 50 tons, mas prefiro o livro Toda Sua. O Toda Sua é melhor escrito e mais profundo, só não as tem bolas de pompoarismo e afins.

  81. Cassandra EM 07/09/2012 às 20:58

    gostei do livro, teve picos de humor e conflitos e todo o blabla de romances, so acho que o tema foi um pouco banalizado sem preconceito algum digo que o tema nao deveria se abordado ainda pelo publico muito jovmmm

  82. Mari EM 10/09/2012 às 20:02

    Cara, terminei de ler o primeiro livro hoje e AMEI, acabei de entrar na saraiva para comprar o 2º e o 3º, mas o cinquenta tons de liberdade tá em pré venda ainda e o lançamento será só no dia 01/11, uma pena, terminaria de ler todos eles em um piscar de olhos.
    O que o Sr. Grey gosta, o que ele faz eu não acho legal, mas por trás disso tudo tem um cara apaixonado e que luta contra o sentimento que está sentindo.
    Me apaixonei por Christian Grey.

  83. Juliana EM 10/09/2012 às 20:23

    Concordo com todo o seu comentario. Eh realmente inacreditavel o boom desse livro, como? Principlamente para a faixa etaria que quer atingir. Mas ele fala de tabus… (para a maior parte da populacao acredito), acho que eh ai que fica o sucesso, a vontade das pessoas de extravasar e mudar suas vidas de alguma forma. A Ana sempre diz no livro que nunca se sentiu tao viva antes… tlvz as pessoas estejam tao equivocadas quanto ela…

  84. Anna EM 11/09/2012 às 00:20

    Eu sou viciada em livros. Amo, amo, amo mesmo! Adorei sua frase: livro algum faz mal e quanto mais à gente puder ler, melhor! Sou irmã de educadores, filósofos e historiadores e eles me enlouquecem com meu acervo de livros, leio Tolstoi (Anna Karenina é tudo de bom!) e Saramago, mas minha paixão por livros me leva muito além, me entende?
    Tem muitos romances doces e graciosos como Rosa de inverno de Patrícia Cabot, Morro dos ventos uivantes (meu preferido),Colecionador de pipas, Distancia entre nós, Melancia… tantos e e graças a Deus para todos os gostos!
    Quando ouvi sobre Cinquenta tons de cinza, meu 1º instinto foi: puro marketing, daqueles dos bons mesmo… as pessoas dizem é “erótico”… Sinceramente? Quem já leu os nove livros da série Irmandade da Adaga Negra da J.R.Ward não se assusta com qualquer brasinha não rsrs…
    Este livro pra mim é totalmente mediano, nada de surpreendente ou revelador, pelo contrario faltou uma narrativa mais romântica e realista.
    Mas gosto é gosto, não é? E ler nunca fará mal a ninguém…

  85. Jessica EM 11/09/2012 às 13:34

    Comecei a ler onem o livro…e já estou quase na metade. Até o momento estou adorando, antes mesmo de ler comentários eu já havia ligado a história da Ana e do Christian a do Edward e Bella Swan…até porque as cenas descritas no livro Amanhecer são bem calientes digamos assim hahaha de uma forma menos vulgar. Gosto do toque teen que Anastacia tem, afinal é uma jovem virgem de 21 anos. Quando terminar de ler volto aqui e deixo minha opinião final…até o momento estou ADORANDO e recomendo (:

    beijo, beijo ;**

  86. Alexandra EM 11/09/2012 às 16:53

    Vi um artigo que diz que uma em cada oito mulheres disse praticar sexo agora todos os dias depois de ler. Segue o artigo do site 5a avenida bem legal também: http://5avblog.com/2012/09/11/conheca-o-fenomeno-50-shades-of-grey
    Bjos!

  87. Ana Patricia EM 12/09/2012 às 14:17

    Olá, adoro ler e li os dois primeiros por pura curiosidade, li em pdf, portanto, até o momento detestei apenas as traduções. Quanto a história em si, bem, gostei, a idéia é boa, mas deixou a desejar no que concerne a sexo, esperei mais, só umas palmadinhas? Putz! Realmente esperava mais, concordo que não seja um livro para adolescentes, embora conte uma aventura romântico-erótica de uma menina(21anos), achei uma violenta mudança a história passar de uma sedução passional para um romance, quente, acho muito legal quando o Grey faz suas declarações de amor, amei…rsrsr…Não acredito que um homem de 27 anos saibam tanto de sexo, e se ele sabe , quem sabe vem outro livro por ai com as explicações didáticas, como fazer, onde tocar etc..rsr..Gosto muito de ficção, também gosto de não-ficção, felizmente vivemos em um mundo onde, ainda, podemos emitir nossas opiniões, logo vc tem direito de ter a sua e eu realmente gostei do que vc disse, embora tenhamos formas diferentes de dizê-lo, gosto é gosto, fico imaginando, a autora era uma profissional mediocre, pediu as contas e escreveu um best-seller, milionária agora, deve ser emocionante, mas o que mais achei interessante é que a história baseada, no twilght, naquele casalsinho muito fofo. Fala muito mais da realidade do que aparenta, fala daqueles momentos de paixão incontrolável entre duas pessoas de mundos diferentes, de adaptação, de mundança de gostos e sabores, embora pudesse ter sido melhor discorrido. Mas gente, sério, apesar de tudo, tenho certeza que a história seduz de qualquer jeito, só não é justo ser enganado…Quando meu pai me pediu para ler, eu li as críticas e pensei é erótico…mas muito pouco, acho mais romance…

  88. Janaina EM 13/09/2012 às 14:01

    Li os dois primeiros livros e irei ler o terceiro, gostei muito da estória, embora não seja bem escrita, a ideia é muito boa!!!
    Acho que uma das principais falhas do livro é o fato de que quando foi escrito não havia a ambição por parte da autora de fazer de fato um livro, no entanto existem revisores nas editoras e eles poderiam sim ter melhorado o texto da E.L James, a escrita é ruim, mas estória é boa e envolvente.
    Acho também que a deusa interior e o inconsciente da Anastasia poderiam ter sido banidos do texto e não fariam falta alguma.. vc ta lendo o livro, Chris e Ana na maior pegação, super sexy, a cena sendo escrita de uma forma instigante aí a Cérebro de ervilha da Anastasia tem o pensamento mais idiota da face da terra.. gente já fui virgem, rs e nunca, mais nunca mesmo , pensei coisas tão idiotas quanto essa garota, inocência e idiotice não são sinônimos!!!
    Mesmo constatando todos esse problemas gosto do livro e sei o porquê… e por mais criticado que possa ser o meu motivo, ele tem nome e sobrenome : CHRISTIAN GREY…
    O cara é a personificação do homem que muitas mulheres sonham (Culpada!): rico, poderoso, protetor, safado, pervertido, sexy, insaciável, bonito, pausudo (essa é uma das partes que mais gosto, haa, só perde pra rico)..
    Além disso ha o fato de um homem tão auto suficiente e dono de si, se deixar “abater” por uma garotinha ingenua, Chris é controlador, mas de fato quem tem o controle é a Ana…

    Christian tem em mim um efeito que Edward não teve, o cara era romantico demais, bonzinho demais, muito mimimi… as vezes até fraco, abria muito mão de si pra agradar a Bella.. já Christian não.. ele mudou em coisas que não eram, digamos normais, mas se manteve em sua personalidade e ainda assim conseguiu demonstrar amor pela Ana…
    E embora em alguns momentos do livro eu tivesse tido vontade de algemar Christian e dar uma boa surra nele, ainda acho que ele é a alma do livro

  89. Gabriela EM 13/09/2012 às 21:02

    Confesso que li o primeiro livro e não consegui notar relação desse livro com Crepúsculo que também li.Como várias pessoas citaram achei o livro uma variação dos livros de banca como Sabrina e Júlia – um romance um pouco mais apimentado.Talvez por isso fiquei um pouco decepcionada com a história.Mas com o decorrer da leitura,fiquei muita mais curiosa com o que iria acontecer com o casal do que propriamente com as cenas de sexo .Terminei de ler o livro,não me surpreendi com o final,mas pretendo comprar os outros para saber como os protagonistas irão resolver seus dilemas.

  90. layna. EM 13/09/2012 às 22:32

    Sou adolescente e muito adulta desde criança, sempre achei o assunto SEXO muito curioso.. bom.. eu achei um pouco pesado na parte do contrato e tals… e deixei pra lá, n quis ler, daí eu decidi parar de bobeira e ler. bom eu gostei pra caramba… e aquele lance do amo.. nao amo tb tava me irritando.. depois a hist começou a ter acontecimentos bem no final e me interessei pelo 2 livro. :D

  91. Grazi EM 14/09/2012 às 02:25

    Eu gostei da história e muito, pois não é só sexo, tem muito mais coisas acontecendo, eu já li os tres e amei! Me envolvi, me identifiquei em algumas partes! Eu só concordo que poderia ser menos repetitivo, menos mimimi, menos detalhes cada cena. Anciosa pelo filme, acho que será melhor que o livro, pois vai ser resumido.

  92. Mysis EM 14/09/2012 às 12:44

    O livro é horrïvel…sigo lendo…a gente conta que ta lendo morre de rir …masturbação literaria e ponto final.

  93. Natalia EM 14/09/2012 às 14:52

    Eu sinceramente adorei o livro, acho que ele nos tira completamente da realidade, nos faz imaginar, é realmente fora da realidade mas isso é normal é um livro tem quase o mesmo efeito de uma novela ou um filme (ele não é real) mas gostei da forma que ela escreveu simples e os detalhes são aceitaveis numa tentativa de nos transportar para que possamos ver exatamente o que a narradora esta vendo … sinceramente achei maravilhoso e devorei o livro, acho que o sexo é a pimenta mas um não seria sem o outro, e fala sério quem não gostaria de um cara lindo rico e protetor atras de voc..kkk mas como tudo que esta escrito acima é uma questão de opinião.

  94. Dayse EM 14/09/2012 às 17:38

    gostei do livro,e o rapaz que falou sobre a aparência da escritora,eu não entendi o que ele quis falar…
    tem padrão de beleza para escrever?

  95. Alice EM 15/09/2012 às 02:06

    Olá, Heloisa!
    Parabéns pela coragem. Você tem muito jogo de cintura para lidar com as críticas. As pessoas ficam irritadas por tão pouco. rs Você respondeu com muita educação a todos. Mesmo os que escreveram com certa provocação. rs
    Estava na net, justamente, procurando opiniões sobre o livro. A sexóloga, com quem trabalho, comentou comigo hoje que estava lendo e que era legal demais. Aff… ela vai querer que eu leia também e já estou achando que vai ser chatoooooo. rsrsrs
    Assim como quando me sugeriu ler o livro Comer, rezar e amar, que é até bonitinho, mas não acrescentou nada na minha vida. Quem sabe se eu fosse rica e pudesse ficar um ano inteiro viajando o mundo…né? hauhauha
    Bom… parabéns! Você é uma fofa. Continue assim.
    Beijo!

  96. Ricardo EM 15/09/2012 às 16:01

    Livro mais ridículo. Modinha. Onde está a inteligência feminina? Pelo amor de Deus. Pessoas inteligentes lêem livros que acrescentam algo e não fabulas psicoticas. Mulheres q curtiram esse livro lamento informar ainda vao quebrar muito a cara na vida.

  97. luiz EM 17/09/2012 às 17:19

    livro ridiculo..mulheres se submetendo ao ridiculo.. e dando a ideia para as leitoras de que fantasias podem apimentar o relacionamento com seus maridos… o que mais se le no livro sao palavras como PUTA MERDA, OLHOS CINZAS, QUADRIL, DEU O OMBRO, estomago.

    mas para um livro erotico, mas filme pornográfico.

  98. Mirian EM 17/09/2012 às 19:48

    Ain gnt super apoiado pq esse livro é bem fraquinho, não digo q não tem seus encantos mas na minha humilde opinião acho que tem enredo pra livro único e não trilogia…querem arrepiar os cabelos lendo BDSM? Leiam Falsa Submissa de Laura Reese…eu fiquei :O!!!!! Bjxs

  99. Jessica EM 18/09/2012 às 10:15

    Estou lendo Cinquenta tons mais escuros. Amei Cinquenta tons de cinza, não achei infantil, é apenas romance e eu amo romance. Nada mais que normal a mocinha virgem se apaixonar por um bilionário lindo e maravilhoso, haha. Eu não li…eu devorei o livro. AMEEI e RECOMENDO. Não leia pensando só no lado erótico da coisa, leia como se estivesse lendo um Nicholas Sparks mas caliente rs. Cinquenta tons mais escuros, começa bem mais romantiquinho rs…adorando essa trilogia, quero só ve como vão fazer esses filmes hahaha’ beeeijos, pessoas ;*

  100. Diboo EM 18/09/2012 às 14:20

    Já li os 3 em portugues que baixei da internet e são MARAVILhOSOS!!!!!!!!!!!!
    Devorei os livros. Li os dois primeiros em 4 dias e o terceiro levei mais por falta de tempo.
    beijo!

  101. camiais EM 20/09/2012 às 10:41

    Não vi novidade alguma.Linguagem fácil, sem vocabulário rico. Enrolação total.Sexo masoquista sem inovação. Passagens que qualquer casal vive quando quer enovar no sexo. Acredito que as pessoas estão tão carentes, que se prendem a uma leitura boba dessas.Mas como tem gosto pra tudo, a autora está aí, faturando horrores. Parabéns pra ela.

  102. Marcella EM 21/09/2012 às 19:58

    Eu acabei de ler o Cinquenta tons mais escuro, ele é maravilhoso, amei, devorei o livro e estou ansiosa para ler o terceiro. O segundo livro é mais romântico e eu amo romance! tem mais história, ex sub, Sra. Rubinson, o acidente de helicóptero. Eu recomento a leitura!!!

  103. Maris EM 21/09/2012 às 23:31

    Olá Heloisa. Depois de ler sua critica eu resolvi ler o livro para poder dar minha opinião aqui.

    O que acontece, é o seguinte. É uma fanfic de crepúsculo, e não dá pra esperar muita coisa.

    Confesso que no primeiro livro, até a página 8 eu fiquei “PUTZ, PQ TO LENDO ISSO?” Achei muito mimimi, sabe? Mas enfim.

    Apesar disso ter me irritado, e as repetições do livro também, o que me prendeu foi o sexo. Queria saber até onde uma garota virgem iria com isso. Queria saber o que levava uma pessoa a agir dessa maneira.

    CURIOSIDADE. É muito mais isso, do que realmente ser um ÓTIMO livro.

    É por isso que esse livro faz sucesso. O “proibido” sempre atrai mais pessoas, e é por isso que eu quero ler o terceiro. E é por isso que muitas pessoas compraram.

    Não achei que você foi preconceituosa nem nada disso. Achei que você foi sincera!

    Beijos ;**

  104. mari EM 22/09/2012 às 08:07

    ufa!ate q enfim uma opiniao inteligente a respeito dessa palhaçada de livro….hahahah
    qnta gente sexualmente mal resolvida no mundo,hein?!
    bjs

  105. Eleonora EM 22/09/2012 às 15:24

    Amei sua opinião! Quando adolescente, nos anos 80, li uma versão da HIstória de O em quadrinhos, do Guido Crepax. Fiquei fascinada, na época isso combinava com uma certa atitude punk. Houve, também um filme francês, muito dramático, do mesmo diretor de Emanuelle. Queria ler um livro erótico e até agora, pág 211, estão me enrolando com um diabo de contrato? Já que estou aqui, vou até o fim. Mas, um segundo livro é demais!

  106. Natália EM 22/09/2012 às 20:45

    Eu comprei o livro por curiosidade, falta de opção mesmo. Não tinha nada especifico para ler, entrei na livraria, recomendação da funcionária, como o livro de mais saída por todo o lado. Por curiosidade, comprei. Logo nas primeiras páginas nota-se uma similaridade enorme com Crepúsculo (sim, eu li a coleção e tenho de confessar que cai de amores pelo livro Crepúsculo mas achei total encheção de linguiça o resto da coleção – historinha bobinha demais, repetitiva, sem grande história, na verdade – só li pq qd eu começo um livro, tenho de ir até o final mesmo odiando, como odiei os outros). Achei Fifty shadows bem pobrinho. É uma versão para adultos de Crepúsculo. Pq é o mesmo romance meia boca, insuportavel e fora do normal.

  107. Ana Paula EM 24/09/2012 às 17:13

    Apenas uma nova versão da velha Sabrina que nossas avós liam…

    Ana
    tofudedamasco.blogspot.pt

  108. Paula EM 24/09/2012 às 19:43

    NOssa… como um texto consegue traduzir exatamente o que eu pensei. Li o livro por indicação de uma amiga… mas sinceramente, não agrega nada!!! Linguagem adolescente e uma narrativa exaustiva, entediante..

  109. Izabela EM 26/09/2012 às 13:56

    Defino em uma única palavra todo o meu parecer sobre o livro (só li o 1º: 50 tons de cinza): RUIM!!!!

  110. Lai Nunes EM 26/09/2012 às 14:26

    Li os 3 livros e adorei, realmente tem muitas repetições, muita enrolação e quem leu crepúsculo identifica os personagens originais, as vezes chega a ser irritante eu confesso.
    Esse é um livro para pessoas maduras independente da idade e eu acho que um dos motivos para as pessoas se decepcionarem ao ler o livro e por esperar mais sexo e menos romance, e sinceramente para mim a parte do sexo é a menos interessante.
    E assim, eu acho que a leitura tem que ser prazerosa não importa o estilo, o autor ou se é um clássico. O que adianta vc “levar um ano” para ler um clássico chato só pra sair por ai dizendo que leu?! Qual o prazer nisso?? Então eu fico com os romances bobos mesmo.

  111. Catharina Oliveira EM 26/09/2012 às 18:40

    Bem, eu tenho 13 anos e eu ganhei da MINHA MÃE esse livro. Acho que foi porque eu estava lendo a resenha, já que me recomendaram. Eu estou receosa em relação ao livro, e também estou na parte do contrato. Acho que vou guarda-lo e ler depois, não sei. haha

  112. TATIANA GONCALVES FELTRIN EM 28/09/2012 às 18:09

    Ka, só vi esse post agora!
    agora entendi o boom de inscritos que surgiram no meu canal vindos do video dos 50 tons!rs…
    brigadão ;)
    e adorei o post! – só nao entendo como é que tem tanta gente comprando esses livros ainda… :/

  113. kleydiane EM 30/09/2012 às 16:14

    opniões…isso é o legal da discursão…estou gostando, apesar de não entender pq o alvoroço é só um romance…
    com uma abordagem sexual diferente as um romance…acho que as meninas gostam é da pegada do Sr. Gray rsss,por trás do “sadomazo” pra eu estar uma grande discurssão de relacionamento o que eu quero? o q vc que? mas a quimica do romance entre os dois é otima…é só um romance

  114. Sheila EM 30/09/2012 às 23:17

    Me desculpe mas essa é minha opinião pessoal, conheci algumas pessoas que frequentam e frequentavam sadomasoquismo, sempre conversei muito e pesquisei. E acho tudo isso depreciativo, se um cara diz para mim…” eu não faço amor, eu fodo e com força” … eu acho nojento, e me sinto um objeto. Claro que não estou julgando ninguém, mas acho que é um livro que nem o tema e nem as possíveis cenas deveriam ser passadas no cinema. Antes de achar tudo isso bonito, pense quer ter um homem que tenha que chamar de Dono ou Senhor? Que vc não tem mais desejos próprios e que só a vontade dele seja suprema? Bom amigos…. desculpe, mas eu não quero….

  115. Nelli EM 01/10/2012 às 00:57

    Sexo é algo a ser sentido, e cada um o faz a sua maneira. E como tudo o que é criticado de mais se faz escondido ou não se assume, chama a atenção. O livro apenas aborda um tema que vem crescendo na mente e no corpo de muuita gente. Sado e masoquismo são o assunto do mento. Mas como tudo na vida há algumas divisões. E nem todos sados, sentem prazer em causar uma dor tão intensa. Afinal só é prazeroso quando é pra ambas as partes.
    quanto a ter idade ou não, aprendi que o ideal é sempre ter ao menos ideia das coisas que nos cercam ou possam vir a nos cercar. Afinal no seu momento, a escolha será sua. =)

  116. EM 01/10/2012 às 10:18

    fiquei sabendo que no segundo livro eles terão um filho e que nesta ápoca será normal sadomasoquismo infantil. Ai, não vejo a hora do meu vibrador e o segundo livro chegarem. ai ai aii

  117. Debora EM 02/10/2012 às 10:59

    Para uma adolescente é demais e para um adulto falta muito. Livro fraco e chato, não me prendeu. Me pareceu uma coleção menina-moça apimentada e detesto o gênero.

  118. Anne EM 03/10/2012 às 09:59

    Achei a sua crítica um pouco severa no que diz respeito ao conteúdo. É bem descritivo, mas pelo menos pra mim que tenho 17 anos não incomoda. Não é marcelinho lendo contos eróticos… O livro trata uns assuntos interessantes e é de certa forma um retrato de varios aspectos do século 21.. Eu não proibiria nenhum menor de idade ler, até por que apesar do foco ser o sexo, o que chama atenção é mais o amor do que a piração do Christian. Seila, né tem gente que gosta, tem gente que odeia, rs

  119. Luciana EM 03/10/2012 às 16:41

    Excelente! Parabéns pelas colocações!

    Li “a saga” hauhahuahuaha por pura curiosidade mórbida mesmo (como disse a vlogueira Tati) e não dá pra dizer que não gostei DE NADA. Tem sexo e está na boca do povo, chama atenção. Simples assim.

    Mas affe, até essas partes são chaaaaaaatas em boa parte das vezes.E me perdoeeee, mas pra sadomasoquismo, tá fraquinho também! Adeptos dessa arte: manifestai-vos!!!! Sadomasoquismo é uma arte pra lá de boa e está bem longe de ser “baunilha”! NOTA: não estou dizendo que “baunilha” não seja bom, é ótimo. Mas não é “50 tons”…

    Realmente é um livro MUITO FRACOOOOOOOO. Estou falando disso como alguém que já leu outras obras de tema semelhante!!! Escrita precária, mas enfim, é uma fanfic e podemos dar o braço a torcer por isso. Sério!

    Eu lembro que eu lia fanfics na época que li Harry Potter. Elas também continham cenas mais “fortes” (hehehe) entre alguns personagens até porque a imaginação da gente vai longe mesmo quando gostamos de algo.
    Só que ao ler Harry Potter eu realmente achei bacana! Todavia, quando li Crepúsculo achei a SAGA TODA fraca!!! E saber que tem uma trilogia para adultos baseada nela…**brochante**

    Só digo uma coisa: tem livro de sacanagem para mulheres casadas/ solteiras/ héteros/ gays/ mães/ jovens/ adultas muito melhor por aí. MUITO MELHOR!!! CORRAM ATRÁS PARA CONTINUAR A SE DIVERTIR SE VOCÊS GOSTARAM DOS “CINQUENTA TONS”!!!! Talvez desperte em vocês mais a “curiosidade” pela “arte da foda” ou a “arte da baunilha”. #fikdik

    Espero que esses “50 tons” seja só o estopim para que essas mulheres sigam lendo, mesmo que seja só pela sacanagem. Ler é bom, sexo/ amor/ baunilha/ chocolate/ vuco vuco/ foda é muito bom, então, acredito que são grandes complementos em nossas vidas.

    Como já disse: ler é bom. Se ler um livro fará com que as mulheres se sintam soltas para falar e fazer sexo por prazer e não apenas para “dar para seus companheiros”, já é um início!!!! NOTA: tem momentos que “só dar” também é bom, viu? Hehehehe. Saber que teu corpo pode servir de “parque de diversões” para outra pessoa…aiaiai…também tem o seu valor.

    Enfim, continuando…

    Agora, com relação as críticas. Crítica pela crítica é difícil levar a algum lugar. Li algumas por aqui que até consigo extrair algo, mas perde um pouco a vontade de dar a elas um pouco de credibilidade por conta da forma que são expostas.

    Dizer que é formada em algum curso…dizer por dizer que achou a autora do blog preconceituosa…dizer que as mulheres não falam sobre sexo… dizer que quem critica é pseudo cult…está tão ultrapassado. Tãaaaaaao fora de moda. Isso é muito século passado!!! hehehehe.

    Leitoras do BLOG: a moda pode ser cíclica, mas nosso poder de discussão, no sentido de agregar conhecimento/ opinião, não.

    Toda essa discussão me deixa contente. Significa que tem mais gente LENDO! Viva ao kindle e viva a editora que trouxe a obra para o Brasil! Hehehe. Sigam lendo! Desenvolve nossa imaginação e aprendemos a ser mais críticas. Eu adoro ler, então sou suspeita a dar essa dica. Pena que não tenho tanto tempo para me dedicar a leitura.

    Para aquelas que gostaram, que bom. Coisa mais chata ler mais de 1.000 páginas e não se divertir. Para aquelas que não gostaram: fala sério, ao menos o personagem do Grey é gato e sabe fazer um bom “baunilha”. Vai dizer que não curtiu imaginar “aquele gostosão” todo cheio de amor pra dar para a menininha? Rá! É difícil!

    Houve um tempo em que a maioria das mulheres lia romances históricos com temas mais cheios de príncipes encantados. Hoje não basta ser encantado, tem que ser bom na cama. Amém!! Hehehe. NOTA: não estou falando que não existe mais público para esse tipo de romance. Eu sei que é um grupo gigantesco e, ainda, que têm muitos romances históricos excelentes!

    PORÉM!!!!! Sejam sinceras meninas. Têm aquelas meninas que gostam de ler/ ver filmes/ imaginar embaixo dos lençóis situações como essas não para FAZER de fato. Mas para se SENTIREM poderosas! Está aí uma das minhas razões do porquê desses livros fazerem tanto sucesso entre nós mulheres: a maioria (frizo: não todas) cria todo um cenário por trás.

    Boa parte de nós têm muita imaginação. Os “50 tons” despertaram isso em muitas pelo que percebi. Não basta a foda pela foda. Ele venera a mulher, não vive sem ela, dá os presentes mais absurdos para ela e passa a ser o melhor indíviduo an face da terra por causa dela!!! Rá! Tem como não querer ser assim? Sem se preocupar conta para pagar no fim do mẽs, com um homem fiel, rico e com pinto de ouro em casa? Hmmm?

    E aí vai minha opinão que muitas não vão gostar mesmo. Eu acho que esse livro foi de muito sucesso por duas coisas: o sexo e o “mimimi”.

    PUTAQUEPARIU!!! Que personagem mais cheia de mimimi essa!!!! MAAAAAAS tem muita mulher que é tarada por um mimimi. #fato
    A autora só fez o favor de juntar com o sexo e bum! Sucesso. Cabel salientar que também não estou dizendo que mulheres assim não são pessoas legais. Só estou falando do livrooooo! Vida real são outros quinhentos. Saibamos separar os conceitos.

    Outra coisa, quem muito critica a escrita, boa parte das vezes, é porque já tem alguma bagagem literária. E não falo de bagagem de leituras para a faculdade, revistas de fofocas/ música/ história/ tecnologia/ maquiagem/ ciência. Falo em Literatura mesmo. E daí fica difícil não perceber a precariedade da obra quanto a esse quesito. Mesmo quando você está se empolgando um pouco com a leitura, vem aqueles diálogos tão ruins que brocha. Contudo, mais uma vez reafirmo, não tiro o mérito do conjunto da obra com relação a toda sua repercussão. E mais!!! Não estou criticando quem não lê muito!!! Genteeee, nem todo mundo consegue parar e ler! Sejamos realistas. Leitura é hábito, muitas vezes. E mais: assim como existem inúmeras cores de batons – para todos os tipos de mulheres -, existe uma gama literária absurda! Cada pessoa irá se identificar com uma ou várias. Esse gênero o qual estamos discutindo é apenas um em zilhões!!!! Fiz só uma observação!!!!

    Parabéns a todas as pessoas que se dispuseram ao diálogo saudável. Isso é muito bacana. Adoro ver os mais diversos pontos de vista. Tem muita mulher disposta por aqui e com conteúdo.
    Parabéns as que compraram seus “brinquedinhos” depois de ler a “saga Grey” e se divertiram muito em casa.
    Parabéns pelas que tiveram a iniciativa de pedir aos companheiros que a fizessem gozar sem o auxílio da mão, vibrador, línguas!!! huahahuahuaha. Tem mulher que nunca na vida gozou só com o pinto de ouro que tem em casa! Vocês são todas Divas!
    Parabéns aquelas que pediram aos companheiros(as) para que eles enfiassem a cara mesmo só para poderem gozar!!!!
    Parabéns aquelas mulheres que fizeram sexo casual só pelo prazer e por causa do livro que as motivaram!
    Cada uma tira a sua própria lição.

    Se o Grey fez tudo isso por você, não tem como essa obra ser tãaaaaao ruim, não acham? Não entrando na questão da sua escrita, claro.
    Mas fica a dica: têm outros livros sobre o tema dignos de *orgasmos múltiplos*.

    Boa semana a todas(os)!

    • Heloisa EM 05/10/2012 às 12:10

      NOSSA LUCIANA QUE COMENTÁRIO GRANDE E INTERESSANTE, CARAMBA! Basicamente você respondeu a todos os outros comentários do post de maneira articulada e detalhista, ou seja: foi incrível.
      Acho que concordo com você praticamente em tudo e achei as observações muito legais, não dá pra negar o quão bem esse livro esta fazendo para a sexualidade de varias mulheres e isso realmente é ótimo.
      Sinceramente? eu tô muito contente que esse post tenha gerado reflexões e discussões tão boas, é muito legal mesmo saber que as pessoas estão lendo mais, lendo de tudo e conversando mais e mais sobre diversos assuntos com a cabeça tão aberta. Muito obrigada pelo seu comentário (que é quase um post), espero que muitas meninas leiam e se inspirem na sua opinião para conhecer mais sobre o assunto.
      Beijo <3

      • Luciana EM 06/10/2012 às 23:27

        Desculpa pela resposta grande uahauhauha. Eu NUNCA respondo a nada em blogs, essa foi a primeira vez. Pelo visto não tenho o poder de síntese mesmo! Agora que vi o quão grande ficou *vergonha*
        Não percebi o tamanho da resposta porque escrevi no celular, daí não tinha como ter muita noção de tamanho. Mas muito obrigada pela atenção.
        Sucesso pra ti ;)

        • Heloisa EM 10/10/2012 às 15:28

          Ai gente, era só o que faltava mesmo alguem pedir desculpas por deixar um comentário grande hahahaha. Foi um prazer receber uma opinião tão sincera e desenvolvida <3

    • Eduardo EM 14/01/2013 às 12:28

      Não sou muito de leitura, só leio
      quando algo me chama mesmo atenção.
      Me indicaram 50 tons de cinza, escuro, e liberdade. Mas pelo que vi, esses livros foram feitos quase que exclusivamente para o publico feminino!!

      vocês ai que acompanham sempre essas leituras, tem algum problema um homem ler 50 tons?

      • Heloisa EM 15/01/2013 às 12:17

        Não tem problema nenhum! Mas talvez você ache chato… Homens: quem entende? Hahahah.

  120. Amanda EM 04/10/2012 às 11:36

    Antes de ler 50 eu sabia q era fanfic de crepúsculo, acontece q eu nunca li nenhum livro de crepusculo, muito menos vi os filmes, então pra mim foi como se fosse uma história nova, sem continuação e tal.
    Quanto ao livro, eu acho q tem sexo demais, a autora poderia muuuuito bem diminuir 80% das vezes q eles fazem sexo e narrar outras coisas, deixando o sexo implícito. Aquela narração enfadonha de beijos no pescoço e nos mamilos, e rasgando o pacotinho da camisinha são totalmente desnecessários. Eu me interessei pelo livro simplesmente para saber o que danado aconteceu com o christian grey, quero saber a origem dele. Pq ninguém pode tocá-lo. Sim, eu tenho um curiosidade sobre isso kkkkk
    Estou terminando o 50 tons mais escuros e ainda não descobri. A autora vai revelando aos poucos, tão aos poucos q irrita. kkkkkkk
    Quanto à moça q escreveu o post, eu acho q vc não deve continuar lendo e terminar a trilogia, se ao primeiro livro vc já tem uma opinião como essa, por favor, pare, nada te prende a continuar essa leitura. Nem mesmo se vc não tivesse nada pra fazer, deveria continuar. Aproveite seu tempo sem fazer nada para procurar e ler outros livros mais interessantes que te ensinem coisas (como vc mesma disse)! Fica a dica! Não leia algo tão desagradável assim. ;)

  121. Luana EM 05/10/2012 às 00:31

    Esse livro êh podre … Homem bater em mulher … Podre

  122. Juju EM 05/10/2012 às 00:35

    Uma merca .. Podre esse livro … Ele bate nela a cada pagina virada … Queria da um pau nele … Podre

  123. Luana EM 06/10/2012 às 10:49

    Ainda estou lendo o livro e vou dizer um pouco sobre a minha opinião.

    1ª O que faz um cara como o Sr Gray, se interessar por uma desconhecida? Porque até a parte que ele foi na loja onde Ana trabalhava, ela era totalmente uma desconhecida e vice e versa, na minha opinião.

    2ª Os sonhos de Ana (Com olhos cinza) e essa corrente que ela diz sentir quando está com ele… Aff… Nada a declarar!

    3ª Os outros personagens amigos de Ana da Universidade nem tão presentes. Pra que existem?!

    4ª Essa coisa de ele mandar nela o tempo inteiro chega a ser ridículo.

    Enfim, a minha opinião é que o livro é somente sexo e… Sexo! Para quem gosta contos eróticos, vai ser um livro bom, por causa do clima sensual que a autora conseguiu transportar ao leitor. Pelas cenas de sexo narradas ela merece 10! Tirando sexo… Sua história é totalmente mal elaborada e mal escrita.

    Porque está vendendo tanto assim, galera!? Livro de contos eróticos são o que mais tem por ai…

  124. Mayara EM 07/10/2012 às 18:32

    Como se todo sádico tivesse sofrido abusos na infância… Sou sádica e não sou o Christian Gray.
    O problema desse livro é que ele manchou a reputação de todo bom praticante de BDSM (Bondage, Disciplina, Dominação,Submissão,Sadomasoquismo e Masoquismo).
    Eu amo praticar sadomasoquismo, tanto na posição de masoquista quanto sádica.
    Mas não sou o Christian Gray, sabe?
    Eu namoro e tenho relacionamentos saudáveis fora do “quarto do mal”.
    Na verdade, esses fetiches aproximam os parceiros de uma forma mágica, porque é um mundo de fantasia que só pertence ao dois.
    Dentro de quatro paredes tudo vale, desde que acordado anteriormente.
    Achei errado. E o livro é contado com linguagem adolescente,Anna Steele só sabe falar “Holy Crap” o tempo todo. Ridículo.(Sim, eu li em inglês).

  125. Manu EM 08/10/2012 às 11:32

    Estou terminando o primeiro livro e não vejo a hora de ler as continuações. Não é o tipo de assunto que todo mundo gosta, muito menos possui uma trama 100% amarrada ou um texto impecável. Se eu quisesse isso, procuraria livros de Arthur Conan Doyle ou Taylor Caldwell. Porém, tenho gostado muito. Acredito que o fascínio causado nas pessoas não tem explicação. Acho que é por ele ser diferente, sem pudor e mostrar algo que a maioria das mulheres jamais aceitaria fazer. É um mundo irreal, onde podemos imaginar com clareza de detalhes aquilo que nem passa perto do nosso cotidiano. Por fim, é uma literatura de moda. Outros virão e ocuparão o seu lugar.

  126. Ana Matos EM 08/10/2012 às 14:40

    O livro é um lixo, não consegui terminar de let nem a sinopse. Galera, se for para começar a ler, leiam algo que acrescente na vida de vocês! Esse livro era uma fanfic de Crepúsculo, a partir daí não merece respeito algum, mas ele conseguiu ter ainda menos respeito com a escrita pobre que tem!

  127. Priscilla Spineli EM 09/10/2012 às 12:24

    Olá, pessoal! Li o post e alguns comentários e acho desnecessária as pessoas sentirem-se ofendidas. Eu li a trilogia e amei! Sou casada e tenho 30 anos. Concordo que é uma linguagem simples (ou boba, como preferir), mas gostei da história do dois. Claro que não podemos negar que houve situações desnecessárias e alguns diálogos poderiam ser mais consistentes, mas em geral eu adorei o livro.
    Gosto do romance água com açúcar para distrair. Não podemos esquecer que é pura ficção, já que algumas situações seriam muito pesadas se acontecessem na vida real.
    Acho que aqui é um espaço democrático onde todos podem expor suas opiniões sem precisar levar para o lado pessoal ou ver como ofensas.
    O post foi muito claro em suas colocações (embora eu discorde de alguns pontos), compreendi que foi uma história que não atingiu a todos e talvez o grande sucesso seja decorrente de um público menos exigente.
    Também, como já foi dito, o tema “sexo” ainda é um tabu em nossa sociedade (imagina fetiche e relação BDSM) e o publico alvo são mulheres (como dito, Pornô para mamães), talvez sejam pessoas que não consigam realizar suas fantasias e precisam de escape para dar vazão a seus desejo secretos.
    Enfim, não precisamos justificar o motivo pelo qual gostamos de determinada coisa, só precisamos assumir o nosso ponto de vista e respeitar o do outro.
    Foi um prazer conhecer o blog e ver a coragem de criticar um livro que tem sido um sucesso de vendas. É bom ver pessoas reais defendendo aquilo que pensa!!
    Um abraço!

    • Heloisa EM 10/10/2012 às 15:27

      Muito obrigada por registrar a sua opinião, Priscila! Fico feliz que você gostou do post, mesmo relatando minha opinião negativa. Beijo <3

  128. Mari EM 10/10/2012 às 08:19

    Achei o livro com passagens muito repetitivas…e o tema que é muito cheio de tabus acaba se tornando muito leve…rsrsrsrs…eu nem tinha me interessado em lê-lo até uma vizinha me emprestar…vou ler todos pra saber como termina e pq no momento estou sem nada pra fazer e gosto muito de ler nas horas vagas…não é um tipo de livro q eu teria, mas vamos ver como termina essa historinha…bjs a todos

  129. Patricia EM 10/10/2012 às 14:20

    Booaaa Lucianaaa, vc disse tudoo!!!
    Alguem me indica mais livros, digamos, divetidos! rsrs

  130. Thi EM 10/10/2012 às 15:16

    Heloisa, para quem tem o habito de ler, você errou feio quando escreveu Historia com e (estoria). Li todos os comentários escritos e pude ver que muitos dizem por serem casadas e ter 30 anos não gostaram da escrita adolescente com um enredo adulto. Bom, sou casada e tenho 31 e uma vasta fome por leitura, graças a Deus adquirido desde pequena por influência de meu pai. Aprendi que livro independente de seu conteúdo sempre nos ensina alguma coisa, Eu li e gostei do livro e achei de certa forma bem intrigante e estimulador. Afinal de contas Heloisa esse tipo de livro é dirigida a adulto e não a adolescente abaixo de 18 anos. Não deixaria meu filho ler. Respeito à opinião de todos a respeito do livro. E concordo que a escritora enrolou e repetiu muitas as vezes as passagens de sexo.Cada um sabe o que te agrada. È um livro, e serve para viajarmos nele e sinceramente achei arrebatador e muito sugestivo. E finalmente sabendo que existem pessoas adeptas a esse estilo de sexo.

    • Heloisa EM 10/10/2012 às 15:23

      Realmente, se você gostou esse livro cumpriu a missão dele! É que eu não gostei muito, mas como eu disse são coisas pessoais. Apesar de tudo, fiquei feliz que gerou uma grande discussão entre as leitoras, né?
      Quanto ao uso da palavra “estória”, está correto sim. O volp ainda considera a grafia e este é o único dicionario que serve como lei no caso da língua portuguesa. É um site muito útil, se você gosta de literatura, gramática etc, provavelmente vai gostar de ter entre seus favoritos do navegador: http://www.academia.org.br
      Muito obrigada pelo seu comentário e até mais <3

  131. Priscila Cordeiro EM 11/10/2012 às 01:55

    Maria da penha? Que comparação mais ridícula…que falta de respeito a lei que protege tantas mulheres.
    Eu li o livro,os 2 primeiros e gostei muito…leio bastante e não curto muito romances não,mas gostei …não sei se parece sabrina,porque também nunca perdi meu tempo lendo isso. Quando comprei o livro,não procurei blog ou opiniões como essas para ler,simplesmente fui lá e comprei horas!Tem gente aí que nem leu e está achando o post engraçado,engraçado porque? Se você leu e não gostou é uma coisa,agora se não leu,está dando sua opinião doquê? 50 tons de cinza é um romance erótico,que não é só erotismo,e se você quiser literatura de verdade vá ler Dom Casmurro e se quiser só put* vá pesquisar um livro que só fale isso,mas não me venha fazer uma resenha,um post com oque você “acha” do livro,dê sua opinião sim,mas explique melhor o livro,ou fique quieta.

    • Heloisa EM 11/10/2012 às 11:04

      Então coração, não acho interessante me aprofundar muito sobre o desenvolver da estória do livro, se a pessoa quiser saber o conteúdo de acordo com a editora ela lê a contracapa, né? O pessoal geralmente gosta de acessar blogs pra ver opiniões pessoais mesmo :)
      Fico feliz que tenha gostado do livro e principalmente, que registrou seu comentário aqui. Toda opinião importa, Beijo <3

    • Patty EM 01/11/2012 às 17:02

      Peloamordedeus, sejamos adultos e entendamos que é a opinião da autora, e não uma resenha.Q a citação Maria da Penha foi uma brincadeira que e pelo visto tem muita gente ignorante que não entendeu. E é ESTORIA com me siimm, basta ter noção básica da lingua portuguesa para saber disso. Parabéns Helô, gostei da sua opinião, retrata bem o que o livro passa, uma continuação de Crepúsculo-Potter, até os Sabrina tinham, mais contexto que isso.

      • Heloisa EM 01/11/2012 às 17:05

        Hahahahahaha vem cá me dar um abraço <3 <3 <3
        Muito obrigada pelo seu comentário, fico feliz em saber que tem gente que entende e gosta dos meus posts :D

  132. VanessaBohn EM 11/10/2012 às 11:01

    50tons de cinza é muito ruim! Li em portug~es e fui ler em inglês tambem pra ver se era mesmo assim ruim e era!

  133. Amanda A. P. EM 11/10/2012 às 13:41

    Heloisa, eu tenho 24 anos, sou casada tenho uma filha de 4 anos e simplesmente me apaixonei pelo livro!
    Ainda bem que o mundo é livre e cada um tem a sua opinião e sua preferências, anda estou esperando lançar o último lançar dia 8 de nov. para começar a me encantar novamente!
    Ah… e vou ti contar uma coisa… eu achava meu marido um saco de tão insaciável entende?! depois que li este livro, fiquei mais reciproca qto a isto e muito mais carinhosa… sei la.. o livro me enfentiçouuuuuu!

    beijos =*

    • Heloisa EM 11/10/2012 às 14:19

      Aaaaaah, ai sim! Então pra você valeu a pena ler o livro. Fico feliz que tenha gostado. Beijo e até mais <3

  134. Amanda Coelho EM 12/10/2012 às 17:56

    Eu entendo a opinião alheia, mas devo dizer que pra mim o livro tem muito mais conteúdo que apenas narrações de sexo com sadomasoquismo.
    Acredito que as “puritanas” ficaram presas nesse contexto e não conseguiram ler as entrelinhas.
    O livro mostra a importância de cuidar do relacionamento, como é gostoso quando você se apaixona e só o toque ou a voz da pessoa te deixam doida. Já sentiram isso?!
    Pois eu acredito que quem já sentiu ou ainda sente se identificou e muito com o livro.
    Foi o primeiro livro de romance adulto que li e não me arrependi, acredito que vale uma releitura com os olhos sem preconceitos. Livres do julgamentos.

  135. CRISTIAN EM 13/10/2012 às 03:59

    Boa noite pessoal
    Tenho uma namorada que tem 22 anos e eu tenho 26 sempre tivemos uma relaçao boa com muito sexo, mas depois que ela começou a ler este livro mudou muito comigo, disse que tenho que ler tambem e fazer ela chegar ao maximo do prazer, fazer coisas que nem ela mesmo sabe explicar e vejo que talves o livro pode ate mesmo influenciar no pensamento em relaçao a nos…cinto que nao senta mais a mesma coisa por mim, sinto que talves já nao me ama mais, so fala neste livro e eu nao sei mais o que fazer …queria salvar nosso namoro entro na net procuro saber tudo sobre o livro mas não sei mais o que vai acontecer…ela fala que tenho que possuir ela fazer ela sentir mais e mais prazer…eu to ficando ja sem saber ..me ajude ai pessoal o que devo fazer??

    • Heloisa EM 24/10/2012 às 17:25

      Complicada a sua situação, né? Mas provavelmente é só uma fase diferente da vida dela e logo a relação de vocês volta ao normal. Boa sorte <33

  136. Fran Mal posso esperar em ter "50 Tons de liberdade em mãos" EM 14/10/2012 às 11:35

    Ainda bem mesmo!Também fiquei encantada Amanda A.P, li o segundo em um final de semana. E mal posso esperar para ler o ultimo.

  137. Fabiane EM 15/10/2012 às 13:32

    A trologia vai muito além de sexo. Desculpem mas acho que estão lendo muito superficialmente. A questão toda está nos conflitos e na responsabilidade de ter literalmente nas mãos alguém q não é nenhum principe encantado, pois o q todos os demais romances normalmente tratam é de principes perfeitinhos e sem graça. Além disso as cenas de sexo são muito bem escritas, de uma forma clara, mas não vulgar.

  138. Juçara EM 16/10/2012 às 20:34

    Oi pessoal! Alguem aí leu o livro Toda Sua ? Eu li e gostei bastante. Agora eu vou começar a saga dos 50 Tons. Depois volto para dar minha opnião. Abraços .

    • Heloisa EM 24/10/2012 às 17:27

      Eu não lí o “toda sua”, mas ta fazendo um baita sucesso, né? Aqui nos comentários todo mundo está recomendando :)

  139. Isabela Lapa EM 17/10/2012 às 14:45

    Achei o livro péssimo. Na minha opinião, não tem história e tem uma linguagem totalmente infantil e adolescente! Ou melhor, até livros infantis já conseguiram uma linguagem mais estruturada que esse! É vazio de conteúdo. Trata de uma relação um tanto quanto diferente das relações comuns e realmente poderia ter sido muito interessante, mas não apresenta esclarecimentos ou conteúdo. Só gira em torno de sexo e da insegurança de uma menina um tanto quanto imatura. Poderia ter abordado a questão do sexo de forma muito mais inteligente, muito mais concisa. Acho que todo o alvoroço se deu pelo fato de trazer um tema pouco falado até hoje. Isso sem contar que é um livro adulto pelo que aborda, mas ao mesmo tempo é adolescente demaaais tanto nos diálogos quanto na forma que traduz os pensamentos da personagem principal. ACHEI UM HORROR COMPLETO.

    • Heloisa EM 24/10/2012 às 17:28

      Como você viu no post eu também achei esse livro bem nada a ver, mas… Pelo visto somos a minoria, né! Hahahahaha. Muito obrigada pelo comentário <3

  140. Fernanda EM 17/10/2012 às 16:43

    Vou deixar para ler “Toda sua” mais tarde porque já ouvi falar muito dele. Parece que é uma história mal contada do próprio 50 shades que por sua vez é uma outra história mal contada da saga Crepúsculo, mas que MUITA gente lê e ama hauhahahauaha. #justajoke

    Estou lendo um outro: “FALSA SUBMISSÃO” de Laura Reese. Geeeeente, ess livro é forte. Em termos de submissão aaaaagghhhhh não estou nem no meio ainda, mas está tenso!!!

    Tem cenas de sexo muito mais “fortes” (se é que posso falar assim) do que os “tons de Grey”.

    É uma leitura mais pesada, muito mais descritiva (tanto quanto ao cenário como ao sexo) e tem toda uma trama investigativa criminal por trás. Enfim, ainda não cheguei nem na metade. Mas como algumas meninas pedidram sugestões.

    • Heloisa EM 24/10/2012 às 17:29

      Esse eu nunca ouvi falar! Mas valeu pela indicação <3

  141. Ariane Mendonça EM 18/10/2012 às 00:30

    Meu Deusssssssss, procurei muito por uma crítica descente deste livro e finalmente achei! Estou na metade do primeiro livro e estou achando o livro uma bosta! Linguagem péssima, histórica fraquíssima e sinceramente, ela ta parecendo a Bela do Crepúsculo! Me explica pq esse cara esta fascinado por ela? O que que ela tem? É virgem aos 22 anos? Esse é o atrativo dela? Pq não vejo mais nenhum! A narrativa é cansativa, repetitiva, e é insuportável ler o que ela está pensando!

  142. Syd EM 18/10/2012 às 11:59

    Mulheressss isso não passa de uma cópia barata de 9 1/2 semana de amor piorado mulheres da internete acordem pra vida.

  143. Renata EM 22/10/2012 às 15:29

    oi gente e a primeira vez que eu to aqui,bom mai como eu vi comentarios de 50 tons de cinza então me chamou a atenção eu li ja todos eu amei muito e fiqui com gostinho de quero mais,a autora desse que e de se penssar em um terceiro livro,eu acho que seria bom bom que os homen soubesse um pouco do que Cristian Grey sabi assim eles poderiam realizar muitos desejos,e saberia como fazer e tratar um mulher ,bom tirando alguns detelhes e claro,rsrsrsrs.bejin.

    • Heloisa EM 24/10/2012 às 17:31

      Hahahahaaha “tirando alguns detalhes, é claro!”. Prova viva de que ninguém é perfeeeito, né? Beijo <3

  144. cherry EM 22/10/2012 às 21:06

    rsrsrs,,,,,concordo com o comentario da Bruna ,,,e ainda acho q o comentario das q não gostaram q perderam tempo lendo,,e ainda dizem q vão ler os outros dois livros.Pra que se ja nem curtiram o primeiro? ´Mas que é uma delicia ser amada entre quatro paredes por alguem q te deseja muito,,isso ´´e muito bom então meninas q não gostaram nem percam seu tempo lendo o outro,,,apenas por curiosidade,,,beijos

    • Heloisa EM 24/10/2012 às 17:32

      Por mais que eu tenha achado o livro chato, sinceramente? Não perdi meu tempo, fiz esse post e adorei ouvir as opiniões de todo mundo. Beijo <3

    • Bruna 30 anos casada e com filha EM 13/12/2012 às 12:12

      Da pra curtir???? rs

  145. Letícia EM 24/10/2012 às 21:26

    Sinceramente?

    Esse foi o texto mais tosco e discriminatório que já li em muito tempo.
    Leu Crepúsculo? Leu porque quis aposto, não foi obrigada, então assuma de cabeça erguida ao invés de ficar com medo de ser julgada por isso.

  146. Márcia Maria EM 26/10/2012 às 16:10

    Eu terminei de ler o primeiro livro e comecei o segundo(50 tons mais escuros).Estou gostando muito, mas acho que a autora exagerou na quantidade de orgasmos da Ana..Eu não contei, mas a moça já teve uns 300 orgasmos..kkkk. Eu sei que nós, simples seres mortais, não temos essa facilidade toda…o parceiro tem que se esforçar um pouco para conseguirmos..Mas, está valendo..muito bom o livro..

  147. Karina EM 29/10/2012 às 15:22

    Li os dois primeiros livros e só confirmei a opinião que formei quando li a sinopse: é um Julia ou Sabrina repaginado. O fato é que é perceptível a falta de qualidade literária, mas, francamente, qual é o problema de ler alguma coisa que possa te transportar para um mundo diferente do seu, mesmo que à base de clichês? O fato de eu estar sozinha talvez explique o meu interesse pelos livros, e o fato de não me incomodar a dita linguagem juvenil pode representar que eu não preciso encarar as coisas de uma maneira tão adulta assim, pelo menos na leitura. Enfim, existem filmes que comprovam aquela assertiva de que cinema é diversão, assim como livros como estes. E daí se é divertido sonhar, mesmo que as custas de literatura rala? Só acho que temos que ter a mente aberta para encarar outros desafios, sem cair na esparrela de achar que a mocinha existe (porque, francamente,um excelente desempenho sem experiência sexual e 300 mil orgasmos é demais) ou de ficar sonhando com esse tipo de mocinho, que nada tem de príncipe encantado… Ademais, acho a leitura de Nova Cosmopolitan muito mais nociva do que essa trilogia ou aqueles livros de banca de jornal…

    • Heloisa EM 30/10/2012 às 10:41

      Hahahahaha verdade, a revista Nova tá cada dia mais “moderninha” no que diz respeito a sexualidade, né? Beijo <3

  148. Alexandre Nahorny EM 29/10/2012 às 16:33

    Sou graduando em Letras, Inglês, Português e Literatura, já ouvi muita gente comentando esse livro, me parece que só mulher que lê ele

    • Heloisa EM 30/10/2012 às 10:40

      Só conheço um homem que começou a ler, mas ele desistiu na metade…!

  149. Renata EM 29/10/2012 às 19:26

    Estou quase acabando o segundo e adorando.
    Acho que o livro leva a pensar em muitas atitudes que temos hj e vem da infância, faz refletir. Tentei tirar um pouco de proveito entrelinhas que você vão gostar mais. Lógico que tem um exagero em cenas de sexo, palavras chulas e etc.

    Conhecem outros nesse estilo para indicar?? rsrs

    Bjs

    • Heloisa EM 30/10/2012 às 10:40

      Aqui no post as meninas que leram Toda Sua, adoraram! E realmente, a temática e o estilo parecem os mesmos… Beijo <3

  150. Gregório EM 30/10/2012 às 03:27

    O livro parece ter uma estrutura água sem açucar do primeiro de todos eles, o “Filosofia da Alcova” do Marquês de Sade (o nome “sadismo” vem dele, convém lembrar). A diferença é que o Marquês entendia e muito do assunto e escreve um livro que é uma aula pra quem está interessado em conhecer todo tipo de fantasia bizarra (séc XVIII!!!! Será que estamos involuindo dando tanto cartaz a esse tipo de coisa???). A quem está lendo esse livro aí, leia o velho Marquês pra ver o nível rsrs.

  151. Samantha EM 02/11/2012 às 07:42

    Heloisa que achado esse blog!! Parabéns!!
    Li vários comentarios dessa ‘resenha’ que vc escreveu do 50 tons e acho que teve gente que exagerou na defesa do livro! Mas de qualquer modo eu concordo com vc, eu li os tres livros e só li mesmo pois queria saber como acaba a historia. Foi muito broxante… =( Até a parte do casamento deles (que a autora não descreve com detalhes) que eu pensei que seria boa não aconteceu.
    Mas como minha mãe me ensinou que não se deve dizer que não gosta de alguma coisa antes de provar…
    Deus! A historia não pode ser nem taxada de água com açúcar pq água com açúcar é gostoso. A narrativa é fraca, os personagens não tem personalidade, os vicios literarios dela quase me fizeram ter um treco (Ana mordendo o lábio, que pânico)
    Como pode tudo o casal resolver na cama? Tipo, qualquer possibilidade de conflito entre o Sr. Grey e Ana é idiotamente resolvida com uma cena de sexo e depois esta tudo bem. Tenho 24 anos e sou casada a tres e as coisas não funcionam assim, nem comigo nem com outras mulheres que eu conheço que tem relacionamentos estaveis.
    Me digam mulheres que menina teria a primeira vez como é a da Ana no livro? Muito forçado.
    Eu comprei o box em inglês mesmo por causa do falatorio em torno do livro, depois descobri que é só uma historia baseada em Crepúsculo ( que eu li e adoro). Agora eu fico imaginando que a trilogia 50 Tons é só uma historia boba pra dar base as cenas de sexo e que esse sexo (talvez tirando o sadismo) seja só uma descrição da vida sexual da Bella e Edward depois do casamento =}
    Mas a literatura de banca de jornal, como já disseram, é boa e pode ser agradavelmente surpreendente pra quem gosta de literatura com tematica pornô, como eu gosto e escrevo. E Marquês de Sade é o grande mestre quando se fala em literatura erotica/pornô e sado.
    E se o objetivo de ler é se divertir e se transportar para outro lugar prefiro ler As Crônicas de Gelo e Fogo (Sr. Martin), O Silmarillion (J.R.R Tolkien), Harry Potter (Sra. Rolling) e Saga Crepúsculo por que não?
    Beijos!

    • Heloisa EM 02/11/2012 às 23:18

      Yaaaaaay, que bom que você gostou do post! Além disso, seu comentário deixou várias dicas de leitura bem bacanas, espero que as meninas aproveitem. Beijo <3

  152. Cássia EM 02/11/2012 às 17:10

    Parabéns Luciana, que comentou no dia 03/10 às 16:41. Faço minhas suas palavras.

  153. Sara Helena EM 06/11/2012 às 19:58

    Ai eu ameiiiiiiiiii,tirando a parte do sim senhor……o livro é tudo de bom……

  154. nilo EM 09/11/2012 às 19:29

    Não li ainda, mas pelo o que você disse, 9 1/2 semanas de amor e mais interessante, então, onde está a novidade?

    • Heloisa EM 12/11/2012 às 12:19

      Foi por motivos assim que me desapontei mesmo. Beijo <3

  155. marcio EM 10/11/2012 às 01:47

    a sorte do mundo é que existem vocês mulheres…se não fossem por vocês…o que seria da maçã no paraíso?! o que seria do blush?!…da depilação?! do vinagrete no churrasco do marido?!o que seria dos bancos sem as metas a serem compridas em saias curtas !? vocês não são cinzas em tons…vcs são a própria cinza!

  156. Carolina EM 14/11/2012 às 19:21

    Também achei o livro péssimo. Temos tantas opções e este de repente fica em primeiro lugar em vendas. Que ironia!

  157. aline EM 15/11/2012 às 08:13

    Tenho 13 anos e estou com vontade de ler,mas nao sou muito nova?gostaria de saber se eu posso ou nao posso mesmo.

    • Heloisa EM 15/11/2012 às 12:16

      Tenta conversar com alguém da sua família sobre isso, coração! Eu acho que você é muito nova, mas as vezes quem te conhece melhor pensa outra coisa, né? Beijo <3

  158. Simone EM 15/11/2012 às 10:50

    As respostas da editora deveriam ser mais revisadas, como deixar um erro de português assim.. “é uma boa estoria, mas deixou a desejar”, boas histórias são escritas a partir de uma boa leitura, e você parece não tê-la.

    • Heloisa EM 15/11/2012 às 12:15

      Justamente por isso que deixou a desejar, Simone. Pra mim boas estórias são feitas a partir de um assunto interessante, que esse livro definitivamente tem, o que faltou foi qualidade no desenvolvimento… Mas isso é a minha opiniao, né? As vezes o planejamento editorial era justamente esse, porque varias pessoas adoraram! Beijo <3

  159. Anna EM 16/11/2012 às 18:41

    Ai eu simplesmente ameeeiii o livro e recomendo sim..apesar do final ser meio obvio, mais tem uma essência em tdo, e sem falar que agora vai ter o livro na versão contado por Cristian Gray..

    • Heloisa EM 20/11/2012 às 14:07

      Sério? Essa eu não sabia! Deve ser curioso mesmo ;)

  160. Senny EM 18/11/2012 às 23:43

    Terminando de ler a trilogia 50 tons…
    Como ja disse, sem polemicas, ok!?
    É a minha opinião…
    Uma pitada de Shakespeare… Vou morrer sem vc!
    Um pouco de Bruna Surfistinha… Não li o livro,mas… Realizo sua fantasia!
    Outro tanto da Virgem de SC… Sou virgem… Não sei o que é sexo, mas topo… (Oi???)
    Mais outro tanto das revistas que a minha irmã caçula lia.. Bianca, Júlia, Sissy…
    Nem tanto Nelson Rodrigues, mas chega perto…
    Usa uma linguagem feminina (??????)…
    E suaviza e romantiza as “coisas”…
    Enfim, como diz meu filho…
    Tem que ler… Ler pra aprender…
    Aprender o que é BOM e o que não é…
    Se você não leu… Leia…
    Pelo menos “passei” um tempo…
    Afinal, qual “menina” não sonha:
    … Com um Príncipe Encantado que realize todas as suas fantasias????
    Com cenários maravilhosos, dinheiro e poder!
    Enfim…
    Vale a pena se você quiser sonhar ( hein????????)

  161. Joaquina Barbosa EM 20/11/2012 às 17:16

    Bom estou com a Heloisa e não abro esperava muito mais do livro, e concordo que a temática adulta deveria ter uma linguagem adulta, mas, alguns acham que estamos tratando o sexo como tabu, nada a ver, não acharia correto minha filha de 16 anos por exemplo ler um livro de Sadomasoquismo, seria banalizar o assunto.
    Aline flor não leia além de ser um saco, o tema não é propício a sua idade.

    Quanto as pessoas que gostaram, que bom, pelo menos não jogaram o dinheiro fora como eu.

  162. Carol EM 25/11/2012 às 10:34

    Então eu comprei os livros… e estou esperando para ler.. mas sei lá ouvi alguns homens dizer: as mulheres lêem esses livros para apimentar a relação… hellooo… o parceiro tem que concordar também… tem muito homem que está muito mais para ficar no sofá ou sair com seus amigos do que ficar amarrando mulher.. fala sério. Vou ler apenas para ver o que exatamente fala e tirar minhas conclusões… mas por em prática…creio que aqui tem um universo para se atravessar.

  163. Andressa EM 25/11/2012 às 18:26

    Bom, a minha opinião sobre o livro e’ completamente diferente pois a história nos impulsiona a leitura constante e obviamente para quem gosta e eu gosto muito tem o poder de me fazer desejar ser Ana o tempo todo. Boa leitura para aqueles que amam sadomasoquismo.

  164. Mirella EM 27/11/2012 às 02:34

    Tirando a tradução mal feita, eu gostei muito do livro, li em menos de 24 horas. É claro que, foge muita da minha realidade, pois sadomasoquismo não me atrai, mas é um livro que me prendeu. E o mais interessante foi como ele foi se prendendo à ela e mostrando o seu lado doce. Mas é verdade que tem enrolações desnecessárias e omissões de detalhes importantes. Às vezes fiquei meio perdida rs Mas vou ler os outros.

  165. Ednéia EM 28/11/2012 às 09:06

    Concordo plenamente com voce, é um desperdício de tempo e dinheiro(eu baixei free), no geral acho que 70%
    que a midia lança não presta.

    • Bruna 30 anos casada e com filha EM 13/12/2012 às 12:19

      Li os dois primeiros emprestados, o terceiro em pdf pra não esperar minha prima terminar o terceiro e COMPREI depois….Releio partes… ele inteiro!!! Nada como alguma coisa que meche com sua emoção… Não precisamos ser sempre CULTURAIS atras de palavras dificeis, é exatamente por essa “teoria” que le tão pouco no país, como disse uma professora de FISIOLOGIA da faculdade, leia nem que for gibi da monica, se vc aprender com ele GEITO se escreve com J á valeu a leitura, se ele te distrair e vc perder a hora mais ainda, e se ele te encantar vc ganhou ano…

  166. Nanda EM 29/11/2012 às 08:55

    Acredito que o maior problema dessas críticas em relação ao livro tem só um fundamento: a comparação. Acho errado você só ler uma só porque ela está famosa, pois é mais um motivo para sua crítica negativa. Outra coisa que me irrita é o fato de comparar tal livro com outro livro. Livro A tem a sua história, seu contexto e seus personagens, livro B tem a sua história, seu contexto e seus personagens. Uma história não tem nada a ver com a outra, não tem tipo, razão pra comparação, isso só te deixa mais preconceituoso perante o livro. Eu gostei, mas também acho que enrola muito, principalmente na descrição detalhista dos lugares e sentimentos dela, tipo, ela não sabe explicar como se sente e mistura um monte de palavras num só parágrafo pra tentar explicar o que ela está sentindo, isso é massante de ler as vezes. Sinceramente, não sei porque ele ser um fanfic de crepúsculo, não vi nada ali,a não ser o romance entre os protagonistas. Romance que existe em quase toda e qualquer história, mas nem por isso, está é considerada um fanfic. Meu preferido é o 50 tons mais escuros, acho que no primeiro, tem muito sexo, no ultimo tem muito drama, mas o segundo mostra que a autora conseguiu equilibrar os dois assuntos e acabou deixando o livro mais interessante de se ler. Resumindo, apesar dos pesares gostei do livro e já estou lendo pela terceira vez. A Andressa disse tudo.

  167. Marcia EM 01/12/2012 às 11:17

    Não gostei do livro. Achei uma versão mais moderna de Sabrina.O fascínio das mulheres sobre a performance sexual do casal,demonstra o quanto ainda somos castradas em nossa sexualidade,pois não vi nada de mais.E não sou adepta de práticas sado masoquistas.Uma narrativa cansativa com a personagem principal chata e desinteressante.Terminei de ler para ver se algo mudaria, infelizmente não.Com certeza não completarei a trilogia.

  168. aurea EM 01/12/2012 às 19:46

    concordo em partes com voce. ao final do primeiro livro, eu estava odiando os dois. Mas a mensagem que os outros livros me passaram é de que o Amor é a única cura para todos os males. e que ele era perdido sem amos. e ela o encontrou e salvou. Para mim, o livro valeu pela mudança dele. bjs.

    • Heloisa EM 03/12/2012 às 11:04

      Que bom que no fim das contas você gostou então <3

  169. Rízia EM 03/12/2012 às 00:37

    Não li esse livro, nem tenho vontade de lê-lo. Vejam essa crítica ao livro. Ri muito! http://machosderespeito.com.br/2012/11/29/50-tons-de-mulheres-mal-comidas/

    • Kah EM 06/12/2012 às 18:05

      Eu li essa resenha MUITO boa uauauhua

    • Bruna 30 anos casada e com filha EM 13/12/2012 às 12:08

      Vc deveria ler antes de comentar então… foi a historia mais linda q já li, o sexo faz parte da vida concordo de deveria ter uma orientação de idade, porem ela envolve, emociona de tal forma coloca Romeu e Julieta aos seus pés… Christian Grey com todos seus problemas é o famoso “Esse cara sou eu” muito melhorado…Sim é um livro para entreter apenas, ou não! Pago pra ver uma mulher q não fundo não queia um desses em casa…. #Relendo!!!

  170. Cris EM 12/12/2012 às 13:41

    Fanfic de TWilight, e Mr Grey é a descrição de Robert Pattinson e não de Edward. A autora apesar de mãe de filho tinha tesão platônico no Robert.
    Agora que conseguiu vender os livros e ficar famosa ,cospe no prato que comeu. E mostra sua ingraditão a sua maior fonte inspiradora “Robert Pattinson”. Olhos azuis acinzentados,cabelos bagunçados,dedos longos,sorriso torto, pianista,alto, pelinhos no peito,etc…Não adianta negar a fonte inspiradora,mesmo mudando nome e alguns detalhes.
    E concordo com quem disse que existem fanfics de Twilight melhores que Mestre do Universo que originou 50 tons.

  171. Jaqueline Bueno EM 19/12/2012 às 00:04

    Será uma satisfação te conhecer …

  172. Janaina EM 20/12/2012 às 17:53

    Adorei o seu comeário… estou lendo o livro, já li a metade do primeiro e acho que a tortura não é só para Ana, mas para quem o lê também. Nao sei se vou conseguir terminar o livro. Aquele Contrato é surreal, meio idiota. Affeee

  173. Aline EM 20/12/2012 às 20:50

    Li e gostei… ainda mais a partir de 50 tons mais escuros… e sim eles terão um filho… opss 2 na verdade…

  174. Aline EM 20/12/2012 às 21:08

    Li os livros e AMEI…. mais ai cada um tem sua opinião… Grey é um homem que por ter sua infância e adolescência afetada acha que nunca vai conseguir amar ninguem, e Ana é uma adolescente que se apaixona por este cara que lhe da segurança e que realmente se importa com ela…
    Quanto a lei Mª da Penha eu acho isso um exagero, pois ele não bate nela fora do quarto de brinquedos,ele usa palavras de segurança e não faz nada para realmente machucá-la, se ela não quizer ela não faz, a lei Mª da Penha foi criada para defender abuso contra mulheres ( sem consentimento delas). E outra coisa importante é que ela ensina para ele oque é amor e ele ensina oque é prazer! Na minha opinião em um relacionamento a dois tem que ter as duas coisas!

  175. Denise EM 21/12/2012 às 17:03

    Olá!! estava mesmo procurando alguém que pensasse como eu! De tanto ouvir falarem bem desse livro, resolvi ler mas meu sentimento em relação a tudo isso é tristeza. Porque eu percebo que estamos dentro da era do descartável. Músicas ruins, leituras ruins também, e milhares de pessoas admirando a má qualidade. Uma pena.

  176. Milena EM 22/12/2012 às 16:49

    Gostei bastante da trilogia, li os 3 em menos de 15 dias, pq a história não se baseia somente em sadomasoquismo, se bem perceberam tbm há as sombras do Grey, que é retratado no livro e isso é muito interessante, eu adorei

  177. Saulo EM 26/12/2012 às 01:31

    Heloisa… Depois de assistir o vídeo tinha que fazer um “breve comentário” a respeito dos livros (óbvio), enfim… A leitura é muito cansativa, mas lê-los rápido?! Sério?! Como assim?! Cansam tanto que eu vou adiando e adiando cada vez mais, e ainda estou no início do 2º. Quero logo terminar essa “porra” e começar a ler outras coisas…

  178. Cida EM 26/12/2012 às 11:17

    Mas eu duvido que vc não tenha se excitado com o que leu nas partes eróticas do livro, por mais inteligente, vivida e experiente que pareça, duvido que não se excitou.

  179. Victória Cardozo EM 26/12/2012 às 21:50

    Olá pessoal, olá Helô, tudo bom?! Eu amo ler trilogias, sagas, e livros com vários volumes…a trilogia completa #50TONS, os 3 livros, eu li em 4 dias e meio ( sou bem viciada em leituras, kk) !! Acho q foi meu recorde…MAS, enfim, eu amei os 3 livros, e apesar de ter muitas partes pornográficas, isso não afetou o fato deu continuar a ler ou não…a história em si é super interessante : uma “mulher” de 22 anos q nunca namorou, conheceu o “homem de sua vida” e passou a ter relações com ele, mas no fundo estava triste por ter aquela história de contratos e tal…Agora no caso do Christian: um “homem feito” na vida financeira e q fica com garotas de um jeito diferente ( só pode ficar com ele se a submissa assinar o termo de confidencialidade, de respeitar as regras contidas etc, ) e ele possui esse jeito pelo fato de ter sofrido muito no passado ( a mãe biológica era uma prostituta q não respeitava ele, e dos 15 aos ~22 anos foi submetido a violência sexual pela Elena -uma mulher deslumbrante, rica e cheia de si- sem ao menos ele entender q estava sofrendo pedofilia no começo…) ou seja, o presente de Christian está totalmente ligado ao passado (e isso explica o sadomasoquismo)…aí que a Anastasia entra em cena, ela consegue através do amor verdadeiro, retirar o Grey daquele passado horrível para poder, a partir daí, viver o presente em paz! Até que os dois se casam, vivem uma pequena situação conturbada por causa do Jack, mas depois ficam todos felizes! :D Eu simplesmente amei o livro… Lembrando q respeito a opinião de cada um, com certeza tem pessoas q não gostaram e que gostaram ! ^^ Eu particularmente recomendo ! (:

  180. Lima EM 27/12/2012 às 02:03

    Gostei muito da sua sinceridade. Também não gostei do livro, vi também que não estou só nessa. Minha irmã tem 50 tons, que por sinal eu indiquei para ela pensando que fosse um enredo interessante,pois, vi em um site muito famoso de uma livraria intitulado “Crepúsculo para adultos” pensei que até tivesse alguma ligação,coisa sobrenatural, (amo isso: Crepúsculo) estava completamente equivocado parei no 9º capitulo do primeiro livro, simplesmente comecei a achar sem sal …… Ao contrario de mim minha irmã gostou. Me decepcionou, o livro e…. talvez a irmã ~humor~ [risos] …… Parabéns pelo post !!!

  181. Sarah Reis EM 27/12/2012 às 09:14

    Adoro o Blog da Kah, mas pra mim essa Helô falou besteira!
    E essa Tatiana, coitada, nunca teve um romance na vida!
    E outra, o foco do livro não é só sexo, sadomasoquismo ou algum tipo de baixaria.. Tem amor, tem romance! Quer baixaria meu amor, assisti multshow de madrugada! Lá não tem enrolação e mto menos romance…

  182. Sabrina EM 30/12/2012 às 02:25

    Qdo soube do livro fiquei curiosa mas ricaço de meia idade pegando novinha foi clichê, machista e demodê demais p o meu gosto. Tem umas tiradas quentes, mas fora a parte hot da coisa tem enrolação e historinha demais. Se é p ser erótico que seja mais direto.

  183. Alguém do sexo MACHO EM 30/12/2012 às 12:43

    Sério esses comentários dessas mulheres que gostaram desse livro? Querem apanhar na cama?
    Querem respeito de alguém que gosta de comer suas fezes? É tudo opção sexual de quem tem algo diferente em mente.

    Não creio que existam tantas mulheres assim XD.

    • Mayara EM 09/01/2013 às 19:51

      Meu querido,
      Há uma diferença entre respeitar a pessoa e ser “controlada” entre 4 paredes.
      Eu aprecio esse tipo de “coisa” e nem por isso meu noivo não me respeita.
      Muitas gostam assim como muitos homens gostam de ser “controlados”.
      Cada relação tem seu ‘jeito’!

  184. taty EM 30/12/2012 às 21:41

    Olá!v Boa noite, quando comecei a ler, era apenas pela curiosidade referente ao Sexo e sadomasoquismo. Tenho uma mente aberta e leio de tudo. O primeiro livro define o desejo a atração, a vergonha referente ao que acontece entre quatro paredes, o pudor de A. Stelle e a mania de controlar de Cristian Grey. Mas quando chegou ao final, ela o deixou, ela queria mais, e mesmo que seja lá no intimo acredito que toda mulher queira mais… fiquei absorvida com a leitura, queria saber como terminava a historia, logo li a triologia em 5 dias… senti um sentimento estranho, e logo percebi que não era só sexo, um romance realmente fora da realidade, mas o encanto dos livros e da leitura são a fantasia o tocar o inatingivel. Estou relendo a triologia, pois os li rápido para saber o fim, agora estou saboreando, tem partes rreferente ao ato sexual que é muito chato, mas as partes onde ela o toca pela primeira vez, as partes onde eles fazem amor, é incrivel, afinal nada mais nada menos ele aprende a não preocupar-se em apenas se satisfazer, mais a ela tambem, e que só o sexo sem sentimentos, o sexo casual logo se torna cansativo e monotono. Afinal não seria sacrificio ser uma submissa sexual de Cristian Grey, ainda mais com todo aquele dinheiro, mas dinheiro não é tudo, e foi isso que a simples e bela anastacia ensinou a ele. Ameiiiiiiiiiiiiii vou reler até enjoar :-)

  185. Mariana EM 02/01/2013 às 10:49

    Eu sinceramente, odiei os livros. Achei a Anna uma idiota anoréxica, sem ofensas as anoréxicas… E eu realmente queria sugerir que a Anna enfiasse a Deusa interior dela naquele lugar, porque essas partes me irritou muito.

  186. Amanda Lima EM 03/01/2013 às 16:09

    Gente, eu adorei ler todos os comentários, eu particularmente amei o livro e li os 3 em uma semana, depois li o toda sua, depois o pronfundamente sua e por ai vai, meu marido agradece e eu me divirto. Assim tb como todas minhas amigas que leram..cada um é cada um e gosto não se discute, mas pra mim e pras mulheres que conheço incluindo umas mais velhas do que eu que tenho 34 e dois filhos(Tias, primas, colegas de trabalho das minhas irmãs). Qto as coisas que parecem ser surreais, elas são mesmo o negocio é curtir e pronto e dai? Não é mesmo? Sei la, sou muito tranquila nesse ponto eu acho que as romanticas sempre vão gostar de livros como estes e é por isso que faz tanto sucesso.

    bjos

  187. Ghy EM 09/01/2013 às 19:41

    Bem, eu li a trilogia completa por curiosidade. Mas sinceramente, até que são legais (apesar de ser demasiadamente cansativo alguns diálogos e confesso que pulei alguns)
    Eu não sou solteira, nem gosto de Crepúsculo e também não sou uma adolescente.. Porém, me agrada o jeito do Sr. Grey. Me agrada esse fetiche sadomasoquista, mas meu companheiro parece ter medo de me machucar….
    Acredito que pra muitas mulheres o Cristhian representa o que elas gostariam que seus companheiros fossem, pelo menos de vez enquanto. Talvez seja por isso que o livro seja um sucesso.
    O seu estilo de escrita é muito simples e as vezes infantil e meio mal escrito. Mas pra quem quer ler despreocupadamente para passar o tempo ou tentar apimentar um relacionamento ele serve.
    Não é “pesado” seu conteúdo erótico e é fácil de ser lido.
    A escrita e estrutura de 50 Tons de Cinza não dá pra ser comparada aos livros de Emily Brönte, Anne Rice..que são sem duvida maravilhosas escritoras. Mas dá pra ler e se encantar um pouco, por mais que seja clichê.
    As vezes penso que essa trilogia seja alvo de tantas criticas negativas para não se passarem por pessoas sem “senso de boa leitura”. Mas não posso afirmar isso com certeza e cada um tem o seu livre arbítrio.

  188. Paula Mendes EM 10/01/2013 às 12:43

    Bom, pessoalmente, gostei muito dos 3 livros, confesso que, realmente, algumas partes são irritantes, com a da “deusa interior”, mas essa trilogia é show de bola. Tenho 24 anos e nunca li nenhum livro do “Crepusculo”, e nem tenho vontade! Ganhei o 50 tons de cinza do meu namorado e continuei a coleção. Estou lendo desde o dia 25 de dezembro e vou acabar hoje. Creio que o sucesso desse livro está mais associado ao erotismo, porque as mulheres não são habituadas a assistir videos nem coisas do genero, acho que é uma forma muito justa de ver as coisas. Quero continuar lendo livros desse genero, pois gostei muito … o proximo é Toda sua … espero que seja bom.

  189. Báh EM 11/01/2013 às 23:57

    Adorei a matéria! :3
    Estou na metade do 2º livro e tô adorando o livro, mas eu acho que, pelo estouro e pelo sucesso que fez o livro, eu esperava um pouco mais…De fato, o livro tem muuuuuuuita semelhança com Crepúsculo, e tipo eu sou Twilighter assumida, mas acho que esse tipo de linguagem está adequada a livros/filmes adolescente (como Crepúsculo), e não para um livro direcionado ao público adulto….Enfim, eu estou gostando do livro por causa desse romance todo complicado e enrolado do Grey com a Ana, mas ainda assim espero que essa trilogia me surpreenda!
    E muito ansiosa para ver os filmes, torcendo demais para o Matt Bomer ou para o lindo do Ian (:

  190. Simone EM 12/01/2013 às 20:36

    Gente, não sei pq tanta discussão em torno de uma história que é de fato, um sucesso! Lí os 3 volumes e adorei! Não se trata apenas de uma sacanagem ou um romance confuso, mas representa o desejo, o amor e o príncipe que toda mulher (ou quase todas) sonha em encontrar, seja com 22, 33 ou 66 anos! Maldade criticar tanto a autora pela escolha da personagem, ficar achando os defeitos da trama se comparado ao que ela despertou em tantos relacionamentos ou em mulheres que foram encorajadas a explorar seus desejos….Sou casada, meu marido não leu, mas adorou todos 3!!! E tem mais, estou lendo pela segunda vez, pq podem acreditar, em algum momento deixamos escapar alguns detalhes pela excitação que vale a pena rever….

  191. Renatinha B, EM 15/01/2013 às 04:03

    Estou no primeiro livro. . . e estou gostando, mas caso me arrependa, pelo menos eu não gastei, pois estou lendo online. . . fica a dica pras pessoas que estão na duvida em comprar o livro ou não. . .https://docs.google.com/file/d/0B1F33UmNF-6AVnB6Mml4QmplMjA/edit?pli=1

  192. Maria Clara EM 16/01/2013 às 02:43

    Cara, na boa, quando eu comprei esse livro ainda estava no começo do sucesso dele, então não conhecia o conteúdo. Quando fui ler, percebi que é pornografia pura! Tipo, ADORO e leio IAN, Irmandade da Adaga Negra, e tal, mas uma coisa é colocar erotismo em partes da história, outra é uma história em que o conteúdo é só o erotismo puro em si. Pra im ñ há problema em colocar cenas de transa, mas esse livro estrapola, pq 99% de Cinquenta Tons de Cinza é só isso. Pegando como exemplo IAN, todas os livros possuem uma história diferente. Assim, um dos personagens, o Vishous, é sado-maso, mas ele tinha algo pra contar.Diferente da J.R.W, a autora de Cinquenta Tons ñ soube explorar quase nada além disso, embora tente fazê-lo no segundo, e é uma coisa sem nexo. O único motivo de repercutir dessa forma, é simplesmente o fato de ser apelativo.Enquanto eu lia Cinquenta Tons de Cinza, encontrava semelhanças dos personagens com a saga Crepúsculo. Achava isso absurdo, mas a Ana tinha o mesmo perfil da Bella, todos os filhos da família do senhor Grey são adotados e o Christian me lembrava muito o Edward, etc. As histórias, se é que dá pra dizer que esse livro tem uma história, são completamente opostas uma da outra. Mas, descobri que Cinquenta Tons foi lançado como uma fic de Twilight, coisa que me deixou boquiaberta.
    Enfim… Na minha humilde opinião, essa “saga” se resume a uma única coisa básica: sexo e sexo.

  193. Roberta EM 19/01/2013 às 03:28

    Olá! Estava a ler o 1° livro da trilogia e não estou mais tão interessada em terminar de ler. Tenho a trilogia.Se alguém tem interesse nos livros é só dizer.Vou me desfazer deles o quanto antes…Afff! Se alguém tiver livros menos imbecis e de conteúdo e desejar fazer uma troca estou aberta a negociar! (os livros estão intactos)!

  194. Monica EM 21/01/2013 às 22:29

    Nao me espanta esse livro fazer tanto sucesso, porque na verdade as mulheres se acham tao ndependentes e resolvidas, mas na verdade sau um bando de carentes infantils! Nas minhas relacoes sociais vejo como as pessoas tem medo de ter as proprias iseias, precisam de lideranca, ate para o sexo. As pessoas tem uma necessidade de sonhar porque nao conseguem vivenciar experiencias verdadeiras com as proprias vidas! O mundo ainda esta cheio de tabus…querendo mostrar que eh liberal! Acho que nao passa de um modismo barato, puro entretenimento que nao demanda muita atividade intelectual, por isso eh tao desejado…

  195. Simone da Silva EM 27/01/2013 às 23:27

    Sinceramente, não consigo entender, como mulheres que se dizem tão informadas e instruídas, compram um livro que já sabem do que se trata e ficam horas na net tecendo um comentário…
    Li o livro e adorei, mesmo tendo formação e não tenho vergonha de admitir, adoraria ter um Christian.
    E que ninguém nos ouça: é um livro para mulheres bem-amadas, bem com… rsss, senão de fato, acontece isso: fala mal porque nunca esteve nem perto de provar uma boa sessão de sexo!!! De verdade…não algo amador e frustrante… Beijo!

  196. Inderson Farias EM 31/01/2013 às 23:43

    Oi vi o vídeo q esta em anexo, gostei muito da sinceridade, não li o livro mas não aguento mais tantas pessoas comentando,pelo release da pra sentir qual é a vibe do livro. Eu acho que o sucesso entre as mulheres, esta intimamente ligado com o feminismo que impera hj em dia, sei q talves ñ concorde, mais para pra pensar, tanto interesse em uma literatura a grosso modo erótica, hj as meninas falam com orgulho que estão apaixonadas pelo livro, sabendo que todos vão descobrir que ela se interessa por “pornografia”, isso as deixa em igualdade com nós homens, já que pornografia era um universo masculino. Pois bem, ao ler elas se deparam com um homem dominador que controla sua “presa”, e isso as remetem a necessidade de ter um macho alfa no comando, por isso o sucesso. Sintetizando: Mulher ” vou ler o livro, pra mostrar que sou liberal e antenada e gosto de sacanagem como os homens” só que o fato de gostarem tanto dessa narrativa denuncia o conflito que elas vivem, tenho que ser feminista, direitos iguais, sexo sem compromisso etc, com a verdadeira necessidade de uma mulher, ser conduzida, dirigida, administrada por um homem de verdade.
    Talves essa minha visão seja machista e vc não concorde mas eu acho que estou certo, não??

  197. Eve EM 05/02/2013 às 11:46

    Ah Simone …vc não entende mesmo do mundo BDSM…Ele não é tão sexy e excitante como vc pensa; claro que para os que tem sua estrutura psiquica voltada para esse comportamento sexual é diferente. Mas tenho vistos jovens entrarem em salas de bate papos (sadomasoquistas)aguçadas pela curiosidade de terem experiências iguais a da mocinha do livro.E posso te falar: O mundo sadomasoquista querida não é florido e nem tem licença poética. É pesado, violento, machista e degradante, a força dos chamados Donos e Mestre está em aniquilar toda a estrutura egoica do submisso é como eles sobrevivem. Não acho a permissividade para com a violência disfarçada de fetiche do livro seja para” mulheres bem amadas”. Abraços

  198. Camila EM 10/02/2013 às 19:48

    Eu AMEEEI a triologia! Principalmente, Cinquenta tons de liberdade. :)
    Realmente, em Cinquenta tons de cinza a historia demora um pouco para desenrolar,
    mas mesmo assim e PERFEITO!
    Nao vejo a hora de assistir o filme. =D

  199. Anita EM 16/02/2013 às 23:03

    Sob meu ponto de vista O LIVRO DE ROMANCE ERÓTICO NÃO TEM NADA: O livro fala de um homem, que tem aparência de perfeito, mas que se tornou um “monstro” em sua sexualidade por ter sido violentado quando criança. Ao invés do Sr. lindo virar um pedófilo e fazer com outras crianças o que fizeram com ele, ele se tornou um sado, pois na cabeça “dele” a única forma de vencer seus traumas é “humilhando, torturando, causando dor em alguém”. Quanto à Anastácia, ela não é uma jovem virgem que se apaixona por um cara rico que pode lhe proporcionar tudo. Ela é simplesmente uma garota comum, como nós, que conhecemos alguém que faz nosso corpo tremer mas que ela julga ser superior a ela, sempre se perguntando: o que ele viu em mim? (quem nunca pensou isso???). Ela não está interessada no dinheiro, pois a todo instante ela se sente constrangida pelos presente. Ela simplesmente se apaixonou. E ela sofre por saber que a relação “não tem futuro”, que não sairá dali nada de bom, mas insiste porque “ama” e quer pelo menos tentar, tentar e mostrar para si mesma que é capaz de mudá-lo, de curá-lo. Quem de nós nunca passou por isso? quantas de nós já sabíamos desde o princípio que uma relação não iria ser boa mas por teimosia optou-se por continuar? (ou para provarmos para nós e para os outros que somos capazes) e a todo instante, por estarmos “cegas de amor”, nos deixamos maltratar, humilhar, torturar, ser violentada, estuprada (assista o filme DOG VILLE), no sentido de termos que passar por situações não desejadas só para querer agradar o parceiro. O que seria mais humilhante? ser amordaçada porque assinei um contrato sexual e deixar ser chicoteada ou ser traída por meumarido na minha própria casa com minha melhor amiga? ou o que é mais humilhante, seu amor dizer que te ama e depois dizer para os amigos que só está com vc pq vc é boa de cama? e assim sucessivamente. Certamente, já nos envolvemos com canalhas, já nos iludimos com frases do tipo: Ele não quer assumir um relacionamento sério comigo porque ele já foi traído no passado. Mera desculpa. Igual a do livro. A Anástácia tenta justificar as ações do lindo por tudo que ele passou no passado…mera coincidência se já tivermos passado por isso em alguma situação…

  200. Valéria EM 19/02/2013 às 16:06

    o livro é péssimo, essa moça se permite ser controlada, humilhada, violentada e invadida, não tendo permissão nem pra chorar, apenas se ele autorizar. É o fim. O cara por ser milionário compra as mulheres para simplismente satisfazer a vontade dele como deixa claro o tempo todo no livro. As mulheres devem se valorizar, o fato de curtir sado, não significa ser humilhada e maltrada em sua vida, muito menos controlada atá na alimentação. Estou indignada

  201. Ana EM 20/02/2013 às 13:54

    A maioria das pessoas que falam mal do livro ainda não leram a Trilogia completa. O primeiro livro,na minha opnião, é o mais forte e revoltante, mas os outros dois a historia não fica no sexo sado deles…a historia meio que sai um pouco desse contexto e se foca nos problemas que o Grey infrentou na infância. Então,por favor,leiam todos os livros pra depois falarem alguma coisa.

  202. Ana EM 10/03/2013 às 04:45

    No começo vc fala que tem alguma coisa sobre Machado de Assis!Quando eu tinha uns quinze dezesseis li um livro q fala alguma coisa sobre nos os ser humanos de quando faz algum tipo de caridade uma boa açao e nao é reconhecido ou tipo depois a pessoa que vc ajudou te fez mal,dai vc lembra ou questiona pq disso a pessoa que vc ajudou,uma pessoa que vc n esperava que fizesse isso pq vc ajudou,é quase impossivel n fazer esse tipo e comentario ou lembrar disso,mais é errado…Achei interessante

  203. Li Santos EM 11/03/2013 às 13:54

    Esse livro não passa de fantasias eróticas de uma adolescente: eu podia ter escrito esse livro aos 15 anos!!! Mas ficaria entediada para desenvolver o resto da história!!!

  204. cristiane g EM 26/03/2013 às 14:11

    EU lia triologia em 3 semanas.E achei os livros empolgantes.Realmente o CRISTIAN GREY é um maníaco por controle,que chega até a ser insuportável de como esse homem se comporta.MAS como tudo age em torno da senhorita “ANASTASCIA” e de como ele mudou,depois de conhece-la então eu so posso dizer que gostei de como terminou a história. TEM PESSOAS NO MUNDO INTEIRO QUE TEM UM PROBLEMA NA VIDA,mas que não procuram ajuda,ou que tem vergonha de chegar e conversar,ou preferem se suicidar ou que tem essas manias como CRISTIAN GREY.E de repente cruza em seus caminhos um anjo,ou alguém que quer te da um abraço ou vem te dar uma palavra amiga.AÍ vc percebe que sua vida mudou por causa dessa pessoa.O CRISTIAN com a ajuda da ‘ANA”mudou porque a amava e isso que importa.COM jeitinho e paciência tudo se resolve,basta colocar na balança e ver a necessidade de cada um.E terminem de ler o livro.

  205. Lilian Gonçalves EM 28/03/2013 às 20:59

    Oi achei o post bem legal, li os tres livros, mas realmente não achei graça neles, acho que a trilogia estourou por fala tão explícitamente sobre sexo, que ainda é tratado como vergonhoso atualmente. Uma coisa também que andam falando é que o livro é pras mamães apimentarem sua vida sexual, mas sinceramente, acho que mamães e/ou papais não tem quarto de jogos e nem irão montar, apimentar a relação marido/esposa é bem diferente de sadomasoquismo. Concordo com a opinião de vocês. Beijos pra vocês gurias, o e aí, beleza? é meu blog preferido.

  206. Catia Friesen EM 30/03/2013 às 11:22

    Muito obrigada por seu vídeo, me economizou tempo valioso que não será perdido com eles! abs

  207. Luana Bittencourt EM 30/03/2013 às 12:53

    Heloisa parabéns pelo Post… Concordo totalmente com ele. Não ligue para as ofensas, porque a maioria das pessoas que dizem que esse livro é ótimo NÃO O LERAM ou não tem o hábito da boa leitura… e sinceramente pelos comentários não está diferente aqui.
    Se tivessem lido o seu post e entendido o que você quis dizer não teria tanta gente ofendida atoa…
    <3

  208. Ghaby EM 31/03/2013 às 07:26

    Super concordo.
    O MELHOR LIVRO que se parece com a saga é a sequeência CROSSFIRE da Sylvia Day

    #1 Toda Sua #2 Profundamente Sua #3 Para Sempre Sua

    Apaixonadérrima, super indico .

  209. Ariadny L. Garcia EM 16/04/2013 às 19:45

    Eu estou com os três livros “parados” por falta de tempo mas é uma leitura daquelas pra ler de uma vez só e não para-la e começar tudo de novo pausadamente. Minha opinião? Bem, eu acho que existem livro piores, é uma história erótica pra adolescentes isso é fato, mas… não sei… Depende muito da perspectiva que se analisa a obra. Eu sempre digo que foi um erro a E.L. James ter escrito um livro baseado em fanfiction. Sabemos muito bem que fanfictions na maioria das vezes são muito “fanatistas” e pra quem não curte vampiros, bruxos e essas coisas, acha chato pra caramba. Por mais moderno que o mundo esteja, por mais casamentos gays que surgem, por mais acesso a informação que temos sexo ainda é tabu e óbvio que um livro falando descaradamente sobre isso e ainda por cima com linguagem, digamos… jovem, seria discriminado e amado ao mesmo tempo! Contudo, analisando literariamente, sabemos de uma fase chamada realismo/naturalismo que abordou muitos assuntos com frieza e biologia (inclusive, esse livro já foi tema de discussão em minhas aulas de literatura). E percebemos muitos pontos assim na trilogia, eu abusaria dizendo que é um romance moderno. Com futilidades mas com obscenidades ao mesmo tempo. Se isso desse tanto prejuízo não teriam sido lançados outros livros com a mesma temática. Eu acho que o mundo não está preparado pra esse tipo de leitura, ou você “suja” o livro com temática baixa, ou você “meleca” ele com romantismo vampírico. Uma mistura dessas coisas não deu muito certo pra muita gente que se arrependeu de ter comprado a trilogia. Mas o legal é pensar que tudo o que é odiado, chama a atenção, muitas vezes mais do que aquilo que é super amado.

  210. elisabeth EM 17/04/2013 às 18:25

    Comecei a ler este livro, porém não aguento mais! desisti, não consegui passar do decimo capitulo… Fico muito feliz, por não ter gastado meu dinheiro com isso!(apenas peguei emprestado!). Porém, não consigo entender pq todas as mulheres que conheço gostaram tanto?!?!?!?!
    Fiquei curiosa pra saber como será o clima entre 4 paredes dessas mulheres casadas?
    Chego a achar que seria algo entre a geladeira e o freezer…
    De qualquer forma…tiro o chapéu à autora, pois como VENDEDORA DE LIVROS, ela é ótima!!!!

  211. janaina EM 05/05/2013 às 00:27

    Eu amei o livro, nao só pelas partes eróticas, mas considero o livro extremamente romantico, está mulher Stille salvou ele de todas as formas que uma pessoa pode salvar a outra e ele ´é rico, romantico e faz tudo o que realmente as mulheres gostam, ela realmente nao existe!!!!!! ela é uma sortuda é tanto!!!!!

  212. Luana EM 04/07/2013 às 17:28

    Resolvi ler o livro de tanto ver críticas a respeito e nessas preferi tirar as minhas próprias conclusões… bem… é uma versão erótica da saga crepúsculo! é isso! o primeiro livro é interessante e ao final vc até tem vontade de ler o outro… e quando começa a ler… hahahah… é uma história mto massante… mto previsível .. é uma história de amor? sim!!!! mas… só por Deus… replico aqui uma parte do post que diz que, se me chamarem pra encher bexigas e eu tiver o livro a tira colo, eu vou encher bexigas… Enfim… detestei a trilogia… quem gostou, eu respeito…. mas, particularmente, não me apetece esse tipo de leitura.

  213. olivia EM 16/08/2013 às 02:14

    EU ACHEI BOA A HISTORIA SIM , NO COMEÇO DO LIVRO!!!! EU LI AS 350PG DAS 18,00HRS AS 3.00HRS DA MANHA …..UFA A CURIOSIDADE ERA MAIOR ,SO QUE ESTOU ACHANDO QUE ESTA MUITO ROTINEIRO ELE NAO SABE FAZER OUTRA COISA A NAO SER FICAR COM ELA e pensar em bater e comer esta ficando rotineiro de mais , mas vou continuar ate o fim ,so que nao com a mesma euforia …bjs a todas……..

  214. Jessica Gomes De Souza EM 20/08/2013 às 07:32

    Adorei o que vc postou

  215. Juciara Vasconcelos EM 26/08/2013 às 17:33

    Adorei seu ponto de vista sobre o livro ,tbm achei a mesma coisa ,resumindo : Patético !!!

  216. Natália EM 24/10/2013 às 22:13

    Eu li apenas o 1º mas estou louca para ler o outros, acho que cada um vê a história de um jeito, minha irmã falou que é só uma putaria, mas eu descordei, pois vi muitos momentos fofos, tudo depende da maneira que é interpretado, eu interpretei mais como um romance, claro que tem as partes obscenas, e o modo dele ser controlador, mas sem isso eles não teriam o que enfrentar,não haveria problemas, seria tudo muito perfeito, não teria emoção. Eu gostei muuuito.

  217. Natália EM 29/10/2013 às 09:09

    Eu lie esse livro e adoreeeeei…. Não se trata apenas de sexo, mas sei la, só quem leu sabe… Estou looouca para o filme, acho q vai ser mto bom.. Tomara né! :)

    http://natycorveloni.blogspot.com/

  218. Dalva EM 02/11/2013 às 12:50

    Sou casada tenho 41 anos e 3 filhos e sim, também li o primeiro da série dos livros de E L James e concordo plenamente com a Ka. Linguagem adolescente com conteúdo adulto, não me admira estar fazendo tanto sucesso. Ora a maioria das mulheres são imaturas quando o assunto é sexo ou relacionamento. Um exemplo disso é uma amiga (uns 10 anos mais nova que eu) ter me indicado (e me emprestado) o livro toda eufórica depois de admitir em voz baixa e entre sorrisinhos que se masturbou algumas vezes no decorrer da trama. Não quero parecer antiquada não sou contra todo o sucesso que o livro causou e ainda esta causando com a história de ser lançada no cinema, creio até que se despertou algo do tipo nesta minha amiga ou em mais pessoas, nada de mais. As pessoas tem o direito de sentirem e fazerem o que quiserem com suas vidas, mas o que não consigo entender são os elogios e todo este estardalhaço, para mim, super exagerados sobre a autora e sua “obra” nada literária. Bom, enfim, cada qual com sua liberdade para escolher o que melhor lhe distrai ou trás algum conteúdo.

  219. Taimara EM 13/11/2013 às 11:00

    vc é ilaria, adorei o jeito que vc falou, resumiu o livro em si

  220. naiara nascimento EM 16/12/2013 às 11:40

    bom já li os três livros e realmente concordo com o fato de ser mal escrito, a história é legal no meu conceito. Mas boa parte da sua resenha eu concordo.

  221. LILIAN EM 11/02/2014 às 18:26

    BOM EU GOSTEI DO DOS 2 PRIMEIROS JA O TERCEIRO FOI MUITO CLICHE SIMPLESMENTE NÃO ACONTECE NADA NA HISTORIA LI AAPENAS NA ESPEQUETATIVA DE ALGO ACONTECER MAIS AS PAGINAS IAM PASSANDO E NADA
    AGORA EM RELAÇÃO AO FILME DARIA PRA COLOCAR OS TRES EM UM FILME SO E AINDA IA SOBRAR TEMPO POS A HISTORIA SE ARRASTA MUITO E NÃO TEM GRANDES ACONTECIMENTOS .

  222. cláudia EM 16/04/2014 às 17:50

    sinceramente quem diz que leu o livro e fala que é sobre sadomasoquismo é porque não leu ou não conseguiu entender nada….O livro explana o fato simples que quando se ama vc cede os seus desejos em prol do outro e foi isso que ele fez para ela. Antes um homem que curtia dor e depois com ela , aprende a amar desesperadamente. O que encanta a maioria das mulheres é a paixão avassaladora deles e o sexo tb, afinal amor, paixão e sexo ( juntos nessa ordem) é o que nós mulheres queremos sempre!

  223. Taise EM 03/06/2014 às 11:59

    AFF..

  224. Hermione EM 06/07/2014 às 10:34

    prefiro a opção fugir para outro planeta! como esta ”triologia” vendeu mais que HP?

  225. Cris EM 24/07/2014 às 10:35

    Li e achei extremamente cansativo, pulei várias páginas e, sei que não perdi nada de interessante. Pelo sucesso que vem sendo esse livro, esperava muito mais, e na minha opinião é chato, bobinho, e enjoativo.

    • Kah EM 26/07/2014 às 11:16

      E vem filme dele por ai….

  226. Mônica S. EM 25/09/2014 às 10:24

    Concordo livro com conteúdo adulto cheio de mimi adolescente, li os três em algum ponto eu tentei me convencer que ia ficar melhor, cheguei a conclusão que deveria ter parado de ler no “foi legal me conhecer?” feat rape do adolescente melodramático Grey.

Deixe um comentário!
Todos os comentários aguardam moderação. Quer colocar foto nos seus comentários? Clique aqui!